Equipes remotas

15 maneiras de ser um gerente remoto de sucesso

Redação BeerOrCoffee
Escrito por Redação BeerOrCoffee em maio 31, 2022
7 min de leitura
15 maneiras de ser um gerente remoto de sucesso
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

Ser um gerente remoto de sucesso significa liderar os times a distância. Isso exige superar algumas barreiras para desenvolver relacionamentos e manter os processos adequados na empresa. Para ajudar nesse desafio, confira 15 dicas para liderar a equipe remota e conquistar bons resultados!

gerente remoto de sucesso
DCStudio / Freepik

Superar os desafios e ser um gerente remoto de sucesso nem sempre é fácil. Especialmente, quando essa é uma nova forma de trabalho para a empresa.

Por isso, Corine Tan, co-founder da Kona, desenvolveu um artigo com uma série de insights sobre o assunto. O conteúdo traz algumas boas práticas para superar cada desafio que pode surgir nos contratos remotos.

Para apresentá-las em mais detalhes, desenvolvemos este post trazendo 15 maneiras de ser um gerente remoto de sucesso. Confira!

Isolamento e construção de relacionamento

Um dos problemas que podem surgir no anywhere office é a distância entre colegas, o que dificulta os relacionamentos. Nesse sentido, um gerente remoto de sucesso deve aplicar algumas dicas para promover a interação. Veja só!

Guia Definitivo do Futuro do Trabalho

1. Lidere com vulnerabilidade

Não tenha medo de parecer vulnerável e mostrar que, mesmo em um espaço de liderança, também surgem desafios e dificuldades.

Isso permite que os colaboradores percebam que é normal ter problemas.Assim, todos ficam mais à vontade e seguros para compartilharem suas dificuldades. 

2. Faça reuniões 1:1 com frequência

Reuniões one-on-one ajudam no desenvolvimento de laços e a entender mais sobre expectativas, dificuldades e ideias do colaborador em relação à empresa.

Isso também proporciona um espaço para ajudar na solução de problemas e ampliar o apoio à equipe. 

3. Assuma o controle da união da equipe

Você sabia que os gerentes podem ajudar na integração do time? Vale pensar em estratégias para que eles se conheçam, interajam e construam uma relação.

Fóruns virtuais, videoconferências ou uso de aplicativos de comunicação permitem construir ambientes nos quais todos podem conversar livremente.

Em todos os casos, a participação dos líderes demonstra o acolhimento da empresa em relação a essas práticas. Por isso, estimulam a união da equipe. 

4. Foco no crescimento

O desenvolvimento da equipe é bastante positivo para a empresa — e um bom gerente auxilia nesse objetivo.

É preciso apoiar o time e estimular que os colaboradores também deem suporte uns aos outros. Isso deve ser feito considerando tanto os objetivos pessoais quanto os relacionados à empresa. 

5. Personalize seu reconhecimento do time

O reconhecimento profissional é importante para manter a motivação. Nesse caso, vale a pena adotar práticas personalizadas para cada colaborador.

Além disso, crie momentos diferenciados nas reuniões, considerando o perfil de cada time ou setor.

Todas essas práticas ajudam a fazer com que os profissionais se sintam parte da empresa. Assim, eles também têm mais facilidade para desenvolver relacionamentos no contexto remoto.

Gerente remoto de sucesso
Priscilla Du Preez / Unsplash

Expectativas e confiança

Não dividir os espaços presenciais e os escritórios da empresa pode trazer certa insegurança em relação às formas de se comunicar. Para esse caso, existem outras dicas relevantes:

6. Assuma uma energia positiva

A comunicação em excesso e via mensagens costuma gerar alguns problemas.

Não perceber o tom de voz ou deixar de ver a expressão enquanto uma pessoa fala pode fazer com que a mensagem soe diferente do que era a intenção inicial. 

Nesse cenário, é essencial sempre ter uma energia positiva, esperando o melhor de todos.

Isso ajuda a evitar desentendimentos — e vale trabalhar essa característica entre todos da equipe para promover um clima melhor. 

7. Priorize, mas não microgerencie

Um erro comum entre gerentes remotos é microgerenciar. Ou seja, tentar acompanhar os mínimos detalhes de cada tarefa realizada.

Porém, para ter sucesso na liderança, é preciso dar confiança e autonomia para a equipe. Assim, o gestor apenas se disponibiliza para dar suporte sempre que necessário.

8. Defina padrões para se comunicar

Padrões em documentos e na comunicação, quando for lidar com processos internos, também ajudam a trazer mais confiança e alinhar expectativas.

Isso também facilita as pesquisas de dados e padronização dos processos internos — o que ajuda a evitar erros.

9. Aprenda mais rápido

Aproveite as oportunidades de aprendizado para potencializar o desenvolvimento da equipe.

Ao acompanhar indicadores e perceber pontos que precisam ser melhorados, aproveite a oportunidade para interagir e inovar. Além disso, busque meios de aprender com o erro e otimizar os processos.

A prática também aumenta a confiança do time em relação à empresa e às próprias funções.

10. Peça feedbacks

Muitos funcionários têm medo de apresentar ideias ou tentar convencer o gestor sobre as necessidades no trabalho. Então é importante dar abertura para que eles consigam apresentar suas dores e dificuldades.

Em complemento, incentive o feedbacks dos colaboradores. Peça diretamente esse retorno, sempre que necessário.

Assim, o feedback se torna uma via de mão dupla e concede mais espaço para desenvolver melhorias na liderança.

Guia Dicionário do Trabalho Remoto

Fadiga e burnout do Zoom

A conectividade permite que as pessoas fiquem sempre disponíveis. No entanto, não há controle da jornada nem uma separação saudável da vida pessoal e profissional.

Nesse caso, um gerente remoto de sucesso precisa dar suporte à equipe e adotar práticas para evitar a fadiga e problemas mais graves, como o Burnout

Confira as dicas para isso:

11. Tenha um dia sem reuniões

O trabalho remoto ou híbrido facilitou as reuniões: basta ter uma conexão para que seja possível interagir com o time.

Porém, vale a pena avaliar quando elas são mesmo necessárias e definir um dia (ou mais) nos quais não serão feitas reuniões.

Caso contrário, tornam-se improdutivas. Inclusive, existem vários exemplos de empresas gigantes para fazer reuniões mais produtivas.

12. Obtenha o contexto

Ao avaliar o humor da equipe, vale considerar o contexto. Em alguns casos, situações externas à empresa geram dificuldades ou desencadeiam sentimentos negativos

Porém, também é possível que a origem tenha relação com o trabalho. Assim, as atividades podem piorar o quadro. 

Portanto, o entendimento do contexto ajudará a definir medidas a serem adotadas e dar suporte ao colaborador. 

13. Aprenda sobre estilos de estresse

Cada pessoa tem sua própria personalidade, suas maneiras de lidar com o problema e, também, formas diferentes de lidar ou demonstrar o estresse.

Portanto, vale a pena observar os comportamentos para entender como cada membro do time se comporta nessas situações.

O caminho, aqui, é o diálogo. Por isso, faça perguntas e dê espaço para que o funcionário se comunique. 

14. Tente ouvir mais

Seguindo a linha da dica anterior, é interessante saber ouvir. Em alguns casos, o colaborador apenas precisa de alguém para desabafar e compartilhar sua dor, sem que isso exija uma intervenção adicional.

Nesse caso, saiba demonstrar empatia e acolher o colaborador. Essa é uma forma de se conectar e se mostrar disponível.

15. Incentive o tempo livre

Por fim, não se esqueça de incentivar os momentos de lazer e descanso entre o time.

No trabalho remoto, é comum que as pessoas tenham dificuldades para separar vida pessoal e profissional. Isso gera um excesso de horas dedicadas. 

Então, o gerente tem um papel essencial para incentivar as folgas, fazendo com que o trabalhador tenha momentos de pausa.

Em um contexto de jornada flexível, também é possível fazer isso ao dar incentivos para melhorar a rotina do trabalho. 

Com o OfficePass do BeerOrCoffee, por exemplo, o time tem acesso a mais de 1.500 espaços de trabalho em mais de 180 cidades do país.

OfficePass

Assim, a equipe terá mais liberdade para trabalhar de onde quiser — inclusive, fazendo viagens para conhecer outros lugares e aproveitar melhor os momentos de lazer.

Com essas dicas, é possível investir no melhor desenvolvimento dos times — mesmo fora dos escritórios da empresa.

Portanto, vale a pena reavaliar as estratégias e trabalhar para ter um ambiente mais positivo. Afinal, ser um gerente remoto de sucesso exige esses cuidados.

Quer aprender mais dicas para ter sucesso? Confira o Guia Anywhere Office no BeerOrCoffee e descubra as melhores práticas para criar uma remota na sua empresa!

Texto escrito por Joanna Nandi, Redatora Web. 

 

Faça sua primeira reserva em um coworking!

X