Comunidade BeerOrCoffee

Os principais desafios do trabalho híbrido para Pipefy e Sercon e como solucioná-los

Redação BeerOrCoffee
Escrito por Redação BeerOrCoffee em novembro 4, 2021
5 min de leitura
Os principais desafios do trabalho híbrido para Pipefy e Sercon e como solucioná-los
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

Quais são os principais desafios do trabalho híbrido? Entenda como a empresa de tecnologia Pipefy solucionou os obstáculos do formato e saiba mais sobre ergonomia e bem-estar com a companhia de segurança do trabalho Sercon. Este conteúdo foi extraído do sexto encontro do BorC Academy, bate-papo mensal entre gestores de empresas parceiras do BeerOrCoffee.  

Muitas empresas decidiram ou estão em processo de tomada de decisão sobre qual modelo de trabalho vão aderir. 

O formato presencial consiste em ter um escritório fixo, o remoto se relaciona com a prática do trabalho em qualquer lugar — seja em casa, no coworking ou cafeteria —, e o híbrido é uma forma de equilibrar a presença no escritório com o universo a distância.

A verdade é que cada vez mais vemos vagas 100% remotas, mas apenas para os colaboradores que vão ficar totalmente em home office, ou seja, sem a opção de atuar em coworking ou escritório, quando for necessário.

Nesse caso, o que muda? É preciso pensar em um pacote de benefícios diferente? O que deve ser adaptado? Todos os colaboradores vão se encaixar nesse modelo? Confira!

Como o Pipefy solucionou os desafios do trabalho híbrido e quais as estratégias da Sercon para garantir o bem-estar dos colaboradores?

A adaptação repentina ao trabalho híbrido trouxe desafios para a produtividade e a conexão entre as equipes. Porém, o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional dos colaboradores também passou a receber um olhar mais atento. 

A Workplace Experience Leader do Pipefy, Anelise Muller, contou como foi a experiência de adotar o trabalho híbrido e quais foram as preocupações que surgiram ao longo do caminho. 

O Dr. Carlos da Sercon, por sua vez, trouxe uma fala essencial sobre ergonomia e o que é importante levar em consideração na hora de dar essa opção ao colaborador. Confira os detalhes a seguir!

Bem-estar e ergonomia dos colaboradores

Cada pessoa terá um espaço de trabalho diferente em um modelo híbrido, por exemplo. Isso significa que o colaborador poderá executar suas atividades nos mais diversos ambientes. 

Por isso, a empresa pode oferecer auxílio individualizado para ajudar com a qualidade e a segurança do espaço de trabalho. 

A prática da ergonomia tem como objetivo garantir boas condições de trabalho e bem-estar, prevenir problemas de saúde relacionados ao ambiente de trabalho e contribuir para a produtividade do funcionário.

Dessa forma, consiste em oferecer o equipamento adequado para que o colaborador possa exercer suas atividades de forma segura. Por exemplo, sua empresa optou por oferecer a possibilidade de home office. Assim, converse com cada colaborador que adotou o modelo para verificar se existe um espaço de tranquilidade e silêncio, e quais são os itens necessários para compor esse escritório em casa. 

Computador, mesa, cadeira, apoio para pés e iluminação, especialmente dentro do home office, são alguns dos itens essenciais para fornecer um ambiente ideal para o trabalho. 

Comunicação integrada com todo o time 

Para o trabalho híbrido funcionar, é preciso mudar a mentalidade das pessoas. Mesmo que exista parte do time trabalhando em um escritório presencialmente, o colaborador que está em outro local não pode ser excluído. Ou seja, não se deve fazer reuniões de última hora apenas com quem está no escritório ou tomar uma decisão sem incluir quem está longe.

Para trabalhar a integração na comunicação do time, é importante falar sobre comunicação assíncrona: quando duas ou mais pessoas conversam sem estarem presentes ao mesmo tempo. Portanto, é uma troca de informações que não acontece em tempo real. Essa prática aumenta a colaboração entre os membros de uma equipe híbrida e garante acessibilidade às conversas realizadas, que podem ser relidas ou revistas a qualquer momento.

Quando chegar o momento de realizar conversas síncronas, ou seja, as trocas em tempo real, como reuniões e ligações, garanta que todos estão participando individualmente. Isto é, cada um no seu computador, sem a possibilidade de um grupo estar presencialmente trocando ideias sem dividir com os demais colegas remotos. 

Por isso, é essencial que a cultura de trabalho remoto ou híbrido seja forte para todos da equipe, inclusive para quem optou ou precisa permanecer no presencial. 

principais desafios do trabalho híbrido

Conscientização do colaborador para os novos formatos de trabalho 

Como citamos, os novos formatos de trabalho precisam de adaptação. Esse processo acontece com a empresa e com os funcionários. 

É essencial que o trabalhador entenda que vive um modelo híbrido e que se adeque a essa rotina. O dia a dia trabalhando de forma híbrido é muito diferente do presencial. Por isso, é preciso pensar em:

  • Definir horários fixos (se possível) para início e término do trabalho — e para almoçar, lanchar, entre outros momentos de pausa;
  • Criar uma rotina para dar um start no trabalho. Por exemplo: vestir uma roupa confortável (só não vale pijama) e tomar um café da manhã antes de iniciar o dia;
  • Descansar de eletrônicos — principalmente, os que enviam notificações relacionadas ao trabalho.

Uma dica para as empresas é montar treinamentos ou conteúdos que auxiliem as pessoas a tomarem essa consciência e terem a disciplina para se organizarem. Algo que acontece muito é o colaborador sentir culpa por não estar online o tempo todo, justamente, por ter o “privilégio” de um formato de trabalho fora do escritório tradicional. 

Por isso, é importante que a empresa se posicione e fale sobre a importância e direito do tempo de descanso de todos. 

Agora que você já conhece os principais desafios do trabalho híbrido e como solucioná-los, surge a pergunta: como vai a preparação da sua empresa para os novos formatos de trabalho?

Nós criamos um Guia Definitivo do Futuro do Trabalho para te ajudar a tomar a melhor decisão, de acordo com as estratégias do seu negócio. Baixe gratuitamente!

Ebook Guia do Futuro do Trabalho

Texto escrito por Liz Borba, publicitária e redatora.