Gestão de equipes

Como ter sucesso ao aplicar uma avaliação de desempenho remota

Renato Ribeiro
Escrito por Renato Ribeiro em setembro 17, 2021
5 min de leitura
Como ter sucesso ao aplicar uma avaliação de desempenho remota
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

A avaliação de desempenho é definida como um método de análise do progresso de um funcionário ou de uma equipe, fazendo um paralelo entre as expectativas da organização e o rendimento apresentado pelos colaboradores. Neste texto, vamos mostrar como ter sucesso ao aplicar uma avaliação de desempenho remota. Confira!

Analisar a performance dos colaboradores faz parte da rotina das organizações, mas devido à pandemia as empresas se viram obrigadas a reformular completamente seus métodos de trabalho e práticas de gestão, inclusive a avaliação de desempenho.

Ao fornecer um feedback no trabalho remoto, é importante considerar pontos específicos e garantir que a abordagem seja cautelosa, construtiva, franca e detalhada, o que evita problemas de comunicação com os funcionários. 

Isso porque, de acordo com especialistas, as avaliações de desempenho por si só já causam ansiedade e estresse. Assim, quando associadas a momentos de crise, se tornam ainda mais desafiadoras para as partes envolvidas.

Pensando nisso, desenvolvemos este conteúdo com todas as informações necessárias para que você possa aplicar uma avaliação de desempenho remota de maneira objetiva e eficiente. Acompanhe a leitura!

avaliação de desempenho remota

O que é avaliação de desempenho?

Basicamente, a avaliação de desempenho é definida como um método de análise do progresso de um funcionário ou de uma equipe, fazendo um paralelo entre as expectativas da organização e o rendimento apresentado pelos colaboradores.

Normalmente, a ferramenta é projetada pelo RH e a aplicação é conduzida em conjunto ao supervisor, englobando etapas de identificação, diagnóstico e estudo de comportamento durante um período determinado. 

Dentre os aspectos analisados, podemos destacar: postura profissional, conhecimento técnico, relacionamento interpessoal e outros pontos pertinentes para o cargo e o negócio de forma geral.

Com os resultados em mãos, os gestores, em conjunto com o RH e os profissionais avaliados, podem elaborar planos de desenvolvimento — individuais ou de equipes — e conceder feedbacks construtivos para atingir os resultados esperados.

4 dicas de como aplicar uma avaliação de desempenho remota

Confira nossas dicas para aplicar uma avaliação de desempenho remota bem-sucedida.

1. Planeje todos os detalhes da avaliação

O planejamento é a base de tudo. Portanto, pense em todos os pontos ao elaborar a avaliação, desde os objetivos, os fatores que serão avaliados, os padrões a serem seguidos e o método de análise que será escolhido.

Dessa forma, será possível fazer uma análise justa, traçar um passo a passo para o alcance das metas, obter resultados mais claros e facilitar o diálogo entre gestores, colaboradores e RH, mesmo a distância.

2. Mantenha líderes e colaboradores informados

Em hipótese alguma pegue os funcionários de surpresa ou altere algum ponto da avaliação de última hora. De acordo com a pesquisa presente no artigo científico “Challenges and Barriers in Virtual Teams: A Literature Review”, de Sarah Morrison-Smith e Jaime Ruiz, a confiança é um aspecto que contribui positivamente para a colaboração.

Isso porque o compromisso dos profissionais com a empresa é diretamente influenciado pela confiança. Portanto, construir uma relação de confiança desde a contratação a distância desempenha um papel fundamental no desenvolvimento da equipe e na capacidade de gerenciar as atividades.

Quando o funcionário sabe o que esperar durante a avaliação de desempenho remota, a confiança aumenta e, ao mesmo tempo, abre-se um espaço para uma conversa mais objetiva, franca e produtiva, em que é possível elaborar um plano para melhorar a performance.

3. Conceda feedbacks claros

O feedback deve fazer parte da cultura empresarial, pois por meio dele é possível atingir as metas traçadas. Entretanto, é necessário ter cautela durante a avaliação e a comunicação de aspectos negativos e também positivos durante o trabalho remoto, para que não haja nenhum mal entendido. Portanto, escolha as palavras certas e seja objetivo.

Além disso, assim como em feedbacks presenciais, os feedbacks concedidos a distância devem ser individuais, pois a privacidade é um fator fundamental para que o profissional não fique constrangido e realmente absorva o retorno recebido.

 

avaliação de desempenho remota

4. Tenha empatia pela equipe

Embora a empatia seja necessária em qualquer modalidade de trabalho, no trabalho remoto é ainda mais, sobretudo durante a pandemia. É importante levar em consideração todo o contexto em que os profissionais estão inseridos e os desafios enfrentados para fazer uma análise justa.

Até porque, com a crise, a vida mudou drasticamente e as responsabilidades aumentaram praticamente da noite para o dia. Um artigo sobre o futuro do trabalho, publicado em 2019 pela American Psychological Association, antes da Covid-19, já afirmava que “junto com o isolamento social, a obscuridade das fronteiras trabalho-família é um desafio significativo para funcionários remotos”.

No entanto, isso não significa que você deva aceitar um desempenho ruim, mas sim compreender quais são as dificuldades que o colaborador está enfrentando e ajudá-lo a solucioná-las.

Estudo de caso

Em um estudo de caso publicado pela Harvard, a diretora de recursos humanos da empresa LaSalle Network, Sirmara Campbell, destacou uma avaliação de desempenho com um dos funcionários da empresa, que foi denominado como John.

Antes da pandemia, o colaborador tinha um desempenho consistente, mas após a mudança para o regime de trabalho remoto houve uma queda de rendimento. A diretora precisava de mais dados para identificar os motivos que levaram à piora da performance e falou com o gerente direto de John.

Com isso, descobriu que ele é pai e se tornou funcionário e pai em tempo integral após as escolas fecharem devido à crise. Logo, quando chegou o momento da avaliação de desempenho trimestral, Sirmara e o gerente ofereceram ajuda.

Juntos, os três encontraram uma forma de mudar o horário de trabalho para que ele pudesse realizar suas atividades profissionais e, ao mesmo tempo, cuidar de sua família. John ficou grato pela flexibilidade.

O que podemos tirar de lição deste caso? Graças à empatia da diretora, todas as partes saíram ganhando, pois a organização reteu um talento, cuja demissão poderia aumentar a taxa de turnover, e o funcionário manteve seu emprego com mais qualidade de vida.

5. Pense em uma alternativa às avaliações

Por fim, analise o momento da sua equipe e, se necessário, acabe com as avaliações de desempenho momentaneamente, para reformulá-las. Enquanto isso, pense em uma forma diferente e mais leve de medir o desempenho dos profissionais.

Uma sugestão da professora da Universidade de Nova York, Anna Tavis, é criar “um sistema flexível que reconheça as dificuldades que muitas pessoas estão enfrentando” e fazer “uma avaliação mais narrativa”, que conceda aos funcionários informações específicas e úteis sobre o que eles têm feito bem e no que podem melhorar.

Agora que você já sabe como ter sucesso em aplicar uma avaliação de desempenho remota, entenda como “Potencializar talentos: sua empresa está fazendo isso direito?” e saiba como investir na capacitação dos seus funcionários pode trazer benefícios para seu negócio.

Texto escrito por Isabella Proença, Redatora freelancer e Bacharel em Administração