Trabalho Remoto

Como contratar remotamente: veja 5 passos essenciais

Renato Ribeiro
Escrito por Renato Ribeiro em agosto 10, 2021
7 min de leitura
Como contratar remotamente: veja 5 passos essenciais
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

Em tempos de mudanças do mercado, é preciso saber como contratar remotamente. As dicas são simples, mas podem fazer a diferença para encontrar o candidato ideal para o cargo.

Com o futuro do trabalho apontando para o caminho da atuação a distância, surge a seguinte pergunta: como contratar remotamente? Afinal, as empresas continuam buscando o candidato com o fit ideal e alinhado às suas necessidades técnicas e comportamentais.

Parece ser difícil chegar a essa conclusão quando não se conhece pessoalmente o profissional. Porém, a realidade mostra uma situação diferente. Com algumas alterações e o foco no que é realmente importante e estratégico, é possível ter uma equipe capaz de chegar ao sucesso no trabalho remoto.

Então, qual é a fórmula para atingir esse objetivo? Não existe mágica. O que precisa ser feito é adaptar a situação atual. Para ajudar nessa empreitada, trazemos 5 passos essenciais para contratar remotamente. Veja as dicas!

Como contratar remotamente

1. Defina as características que sua empresa quer e precisa

Como em qualquer contratação, sua empresa deve definir quais requisitos devem ser cumpridos pelos candidatos. Por exemplo, se a vaga é para analista de marketing, algumas características buscadas podem ser:

  • Capacidade de trabalhar em equipe;
  • Conhecimento em inbound e outbound marketing;
  • Experiência em SEO e mídia paga.

Perceba que é preciso mais do que conhecimento técnico. As habilidades comportamentais, inclusive, tendem a ser mais relevantes. Isso porque, em um trabalho home office ou remoto, é fundamental ter pessoas com uma postura e objetivos alinhados com a empresa.

Esse é o “segredo” para formar uma equipe de alta performance e capaz de resolver todos os problemas. Da mesma forma, o engajamento é necessário para evitar o temido turnover, ou seja, a rotatividade de colaboradores.

Dentro desse cenário, é bem provável que a posição para o candidato também seja remota. Por isso, primeiro verifique se há interesse, se o profissional já teve alguma experiência nesse sentido, se gostou etc. De modo geral, as características que levam ao sucesso ao trabalhar a distância são:

  • Proatividade: pode parecer uma dica ultrapassada, mas é fundamental saber o que fazer em um contexto de trabalho remoto. Por isso, veja se a pessoa consegue encontrar algo útil, mesmo que esteja sem nada para fazer no momento;
  • Capacidade de priorizar: em um trabalho remoto, as tarefas relevantes podem ficar pouco claras. Portanto, saber o que é mais urgente é fundamental para focar o que traz verdadeiro impacto à empresa;
  • Boa escrita: a comunicação em uma equipe remota depende do texto. Por isso, saber se expressar é crucial. O ideal é evitar ambiguidades, que podem gerar erros e retrabalhos. Além disso, o uso da comunicação não violenta é indicado para impedir a ocorrência de conflitos internos.

2. Crie uma descrição correta do cargo oferecido

Saber como contratar remotamente implica se comunicar de forma eficiente. Isso também vale para a descrição dos cargos. Quando ela é ineficiente, é mais difícil encontrar o candidato certo. Nesse processo, considere:

  • Os objetivos do negócio;
  • O que é necessário para o cargo;
  • As atividades a serem realizadas;
  • As prioridades para contratação.

Algumas dicas a respeito disso são contar quem é capaz de:

  • Assumir algumas atividades para que você foque as tarefas que mais agregam valor;
  • Tomar a frente de algumas funções específicas para que você consiga deixar algumas tarefas com ele.

3. Considere a estrutura organizacional para saber como contratar remotamente

Toda empresa tem regras, diretrizes e posições-chave. Considere esses fatores, bem como a estrutura organizacional. 

Assim, você identifica quais cargos são relevantes para as responsabilidades do negócio. Da mesma forma, consegue visualizar quais são as decisões certas na hora da contratação.

Por exemplo, o objetivo do setor de marketing e vendas é aumentar a receita. Para sua empresa alcançar esse resultado, é preciso ter profissionais nas áreas de:

  • Mídia paga;
  • Inbound marketing;
  • SEO;
  • Customer success;
  • Pós-vendas.

A partir dessa identificação, verifique quais colaboradores já estão contratados e quem falta contratar. Assim, você garante que os conhecimentos sejam complementares e variados. Com isso, implemente a gestão de equipes diversas para aumentar a chance de sucesso.

Como contratar remotamente

4. Entenda exatamente o trabalho

É normal que você saiba exatamente o que será feito em um cargo já existente. Agora, se você quer saber como contratar remotamente, precisa adaptar os processos. Nesse cenário, podem surgir novas posições.

Nesse contexto, o ideal é entender o que precisa ser feito nesse cargo. Uma forma de fazer isso é começar com a equipe interna. A ideia não é deixar dessa forma, mas sim entender o que a função exige, coletar informações e, então, encontrar a pessoa certa.

É o que a Basecamp faz. Um dos fundadores da companhia, Jason Fried, disse que chegou a exercer o customer service por dois anos antes de contratar um profissional. Segundo ele, ter essa experiência permite saber o que é preciso para alcançar a eficiência e os resultados esperados.

5. Saiba encontrar colaboradores remotos

Mais do que saber como contratar remotamente, é necessário atrair os candidatos certos. Para isso, é preciso divulgar as vagas nos canais certos. Os principais são:

  • Redes da própria empresa: as pessoas que já trabalharam na companhia ou profissionais de outros locais são boas oportunidades para encontrar os talentos certos. Por isso, converse com parceiros, familiares, amigos e outras pessoas;
  • Grupos locais: por mais que pareça estranho fazer essa recomendação (já que pessoas do mundo todo podem trabalhar remotamente), você pode encontrar boas possibilidades nesses ambientes. Muitas vezes, é possível reencontrar aquele profissional que quase foi selecionado e que agora será 100% alinhado;
  • Base de usuários da empresa: confira sempre os currículos cadastrados e veja se consegue encontrar um candidato adequado. Essas pessoas já passaram por uma triagem. Por isso, há mais chance dessa relação dar certo, inclusive remotamente;
  • Redes sociais: compartilhe a vaga disponível em vários lugares, especialmente LinkedIn, Twitter, Facebook e outras redes sociais. Ao divulgar a posição, a chance de receber mais pessoas interessadas se eleva.

Perceba que as dicas para contratar remotamente são basicamente as mesmas dos processos tradicionais. No entanto, é preciso avaliar outras questões, que considerem tanto as competências quanto as necessidades organizacionais.

Agora você já sabe como contratar remotamente e entende que é preciso levar em conta as tendências do futuro do trabalho. Esse é o caminho para o sucesso e o engajamento dos profissionais.

E você, quer se aperfeiçoar e saber como atuar fora do escritório? Veja 6 dicas de gestão do tempo para trabalhar remotamente.

Texto escrito por Fabíola Thibes, jornalista e redatora web.