Flexibilidade no Trabalho

O que a redução de custos com aluguel significa para sua empresa

Renato Ribeiro
Escrito por Renato Ribeiro em julho 8, 2021
O que a redução de custos com aluguel significa para sua empresa
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

Você sabia que a manutenção do escritório é o segundo maior gasto de uma empresa, ficando atrás somente da folha de pagamento? Assim, a redução de custos com aluguel é uma maneira eficiente de amenizar os custos e aumentar os lucros.

A pandemia do novo coronavírus transformou tudo ao nosso redor, incluindo a forma como trabalhamos. De uma hora para outra, corporações do mundo todo tiveram que se reinventar para continuar as atividades. E o trabalho remoto foi a solução encontrada.

Engana-se quem pensa que o cenário pós-pandêmico prevê o retorno do escritório da forma como conhecíamos antes. A verdade é que a rotina de trabalho nunca mais será a mesma. Isso porque, ao longo desses últimos meses, a maioria das empresas notou os benefícios do home office. Como nem tudo são flores, percebeu-se também as desvantagens.

A boa notícia é que dá para juntar o melhor das duas modalidades por meio do trabalho híbrido. Mas o que isso tem a ver com a redução de custos com aluguel? Tudo! Continue a leitura para ficar por dentro do assunto!

O que é o trabalho híbrido?

O trabalho híbrido, como o próprio nome sugere, nada mais é do que a junção de dois modelos de trabalho: o presencial e o remoto. E o que isso quer dizer? Ele dá maior flexibilidade e autonomia aos funcionários para decidirem — em acordo com a empresa — quando e onde querem fazer suas atividades.

Dessa maneira, os colaboradores podem trabalhar em home office, na sede da empresa, em coworkings, cafeterias, aeroportos e onde mais seja conveniente estar naquele momento.

Além disso, os horários também podem ser mais flexíveis, começando o expediente mais cedo ou mais tarde, trabalhando menos ou mais dias na semana, desde que as horas de trabalho combinadas sejam cumpridas.

Vantagens do trabalho flexível

Com a necessidade do trabalho remoto, muitas empresas que antes nem sequer cogitavam adotar a modalidade a distância, agora conseguem enxergar as vantagens. Ao contrário do que se pensava, os funcionários se sentem muito mais produtivos trabalhando em home office.

Eles conseguem focar mais nas tarefas, não perdem tempo de deslocamento e nem de uma rotina de se arrumar para sair de casa, podem ficar mais com a família e, de quebra, descansar nos intervalos do expediente — recarregando as energias para as próximas atividades.

Entretanto, há também algumas desvantagens, como tudo na vida. A falta de interatividade com os colegas é algo que mexe bastante com o emocional dos funcionários. Por mais que haja videoconferência e chat, os seres humanos foram feitos para interagir pessoalmente.

Além do mais, acaba diminuindo a criatividade e, consequentemente, a elaboração de novas ideias. Afinal de contas, muitos insights surgem daquela conversa despretensiosa no horário do cafezinho com o pessoal e não em uma reunião formal. 

E como o trabalho flexível entra nesse assunto? Bom, ele consegue reunir as vantagens do modelo remoto e do presencial, já que, em resumo, é a mistura dos dois. Enquanto trabalha a distância, o colaborador consegue ter a flexibilidade que precisa.

Ele pode trabalhar em casa no dia em que o filho chega mais cedo da escola, pode ir até um coworking quando precisa se concentrar melhor ou encontrar um cliente importante, pode fazer as demandas em uma cafeteria quando estiver em viagem, entre tantas outras possibilidades que exigem essa plasticidade.

Já quando está na empresa, consegue ter a interação necessária para seu bem-estar no trabalho, para a imersão na cultura organizacional e para as ideias que colaboram para o desenvolvimento da corporação.

Como consequência, temos funcionários mais engajados e, automaticamente, mais produtivos. Não é à toa que o trabalho híbrido é a escolha de grandes empresas para o “novo normal” pós-pandemia.

Como o escritório flexível pode ajudar na redução de custos com aluguel?

Agora que você já sabe as vantagens do trabalho híbrido para os colaboradores, chegou a hora de saber como ele pode ajudar na redução de custos com aluguel. Como dissemos, a manutenção da sede é um dos maiores gastos de uma empresa.

Além da locação do lugar, há custos com mobiliário, equipamentos, papelaria, limpeza, energia elétrica, água, internet e tudo o que é necessário para as atividades dos colaboradores. Quando a empresa opta pelo escritório flexível, reduz a demanda desses itens e serviços.

Por exemplo, com trabalho presencial, uma determinada empresa precisa manter 20 lugares fixos para os seus colaboradores. Mas, com o escritório flexível, ela pode ter espaço para receber 10 pessoas, enquanto os outros 10 funcionários trabalham remotamente — em casa ou em um coworking —, fazendo um tipo de rodízio. 

Com isso, não é necessário ter um imóvel tão grande e os outros gastos também são reduzidos. A conta é bem simples, na verdade. Já pensou nisso?

Por que o coworking é a melhor opção para o futuro do trabalho da sua empresa?

Se o trabalho híbrido já é uma grande vantagem, o escritório flexível aliado ao coworking é ainda melhor. Aliás, você sabe exatamente o que é coworking? Ele é um modelo de trabalho em que pessoas compartilham o mesmo espaço e recursos de escritório, ainda que não trabalhem na mesma empresa ou área.

São imóveis que têm tudo o que os funcionários precisam para trabalhar remotamente. Sendo assim, permitem que os colaboradores possam escolher onde é mais perto de casa, por exemplo, ou é mais conveniente no momento. O que é interessante até mesmo para que você possa contratar pessoas por todo país, ampliando o recrutamento de talentos.

Além disso, você garante que eles terão conforto e recursos para fazerem suas atividades, pois o home office pode trazer problemas,  como instabilidade na internet, falha nos equipamentos, distrações com familiares etc. 

Por essa e por outras vantagens, o OfficePass foi o serviço escolhido pela empresa de software Pipefy. O serviço funciona como uma assinatura que disponibiliza espaços de trabalho — do mais corporativo ao mais descolado — em mais de 160 cidades espalhadas pelo Brasil.

Anelise Pereira Müller, a responsável pela experiência de trabalho e instalações da Pipefy, conta mais sobre isso: “O OfficePass entrega mais opções para os nossos times contratados em qualquer lugar do mundo. Adotamos um modelo de trabalho mais flexível, na qual aos colaboradores têm oportunidade de escolher o local de trabalho.”

Outra vantagem do coworking é a possibilidade de uma empresa inteira trabalhar em um desses espaços em vez de alugar um imóvel, equipá-lo e mantê-lo funcionando. Geralmente, as corporações alugam imóveis em contratos longos, o que pode ser arriscado pelo futuro incerto. 

Vamos supor que uma empresa faça a locação de um prédio com um contrato de 10 anos, esperando um crescimento x. Entretanto, há contratempos que fazem com que a evolução fique aquém da expectativa. Isso causa uma grande dor de cabeça e prejuízo financeiro.

Ao optar pelo coworking, você contratará apenas o que é necessário e pode ficar tranquilo, pois se precisar reduzir ou ampliar o espaço desejado, resolverá a questão facilmente. Grandes empresas já estão optando pelo modelo de trabalho tanto pela praticidade quanto pela economia. Quer um exemplo?

O Banco Inter já economizou mais de 1 milhão de reais ao ano com o BeerOrCoffe. Veja o que Pedro Quadros, Engenheiro de Facilities da empresa, diz:

“Com centenas de colaboradores que precisam de mobilidade, a escolha pelos coworkings otimizou todos nossos processos e agilidade em burocracias como contas a pagar, pois hoje só precisamos quitar um único boleto.”

Como você pôde conferir, a redução de custos com aluguel adotando o escritório flexível é capaz de trazer não só a economia, mas também facilidades e outros tantos benefícios. Isso é ainda mais potencializado se a escolha incluir o coworking como espaço de trabalho.

Quer saber mais sobre o OfficePass, serviço do BeerOrCoffe, que proporciona todas as vantagens do coworking? Aproveite que está por aqui e conheça o nosso site!

Texto escrito exclusivamente para o BeerOrCoffee, por Renata Nogueira, produtora de conteúdo para a web e redatora.