Gestão de Facilities

Desafios do Gestor de Facilities e do RH: como o bem-estar melhora o desempenho das equipes

Renato Ribeiro
Escrito por Renato Ribeiro em abril 19, 2021
5 min de leitura
Desafios do Gestor de Facilities e do RH: como o bem-estar melhora o desempenho das equipes
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

Entre tantas responsabilidades de suas funções, um dos maiores desafios do gestor de facilities e do RH é manter o bem-estar dos funcionários. Se antes a empresa que se preocupava com essa questão era tida como visionária, hoje é algo praticamente obrigatório para qualquer corporação que almeja o sucesso.

Sabendo que os colaboradores são peças-chaves para qualquer organização, investir em sua qualidade de vida dentro do ambiente de trabalho significa aumentar o faturamento da empresa. Como isso é possível?

Neste post, falamos sobre a importância do bem-estar no desempenho da equipe e contamos dicas de ações que vão ajudar a superar esse desafio e promover melhores condições aos trabalhadores. Continue a leitura e confira!

Por que promover o bem-estar do funcionário é tão importante?

Antes de mais nada, é preciso refletir sobre o que é o tão falado bem-estar. Muitas pessoas o relacionam com estilo de vida saudável, o que não está errado. Entretanto, esse estado abrange mais fatores do que apenas a saúde física.

Segundo o dicionário, o bem-estar é a satisfação plena das exigências do espírito e do corpo. É a sensação de conforto, segurança e tranquilidade. Dessa maneira, podemos dizer que do ponto de vista do funcionário, o seu bem-estar é o sentimento de satisfação com o seu trabalho e tudo o que está relacionado. Mas por que isso é tão importante?

Se pararmos para pensar, passamos um terço do nosso dia trabalhando. O que, no final das contas, é uma grande parte da nossa vida. Sendo assim, é fundamental que esse tempo seja vivido de uma maneira saudável fisicamente e mentalmente.

Os benefícios de um local de trabalho que promove o bem-estar são inúmeros, não somente para o colaborador, pois a empresa também sai ganhando. É como se fosse uma engrenagem, em que uma peça precisa funcionar bem para que todas as outras também funcionem.

Trabalhadores satisfeitos exercem suas funções com maior motivação e engajamento. Consequentemente, surge o senso de comunidade e lealdade, melhora o clima organizacional, reduz o absenteísmo e aumenta a produtividade.

Uma equipe com alto desempenho é fundamental para o sucesso da corporação. Portanto, uma empresa que tem como responsabilidade cuidar do bem-estar de seus funcionários, promovendo comportamentos saudáveis no ambiente corporativo sai à frente das concorrentes.

Isso ajuda a atrair e reter talentos para a sua equipe. Um bom funcionário sabe valorizar o lugar em que se sente bem exercendo sua função. Por isso, as empresas não devem focar apenas em resultados, mas também em pessoas.

 Como o local de trabalho pode influenciar no bem-estar do colaborador?

Como dissemos, passamos grande parte do nosso tempo trabalhando. Sendo assim, o ambiente de trabalho tem um grande impacto no bem-estar. A seguir, confira os fatores que podem influenciar na satisfação da equipe:

  • estrutura: temperatura, mobiliário, equipamentos, lugar para fazer as refeições, limpeza e conforto em geral;
  • social: relação com os colegas de equipe e superiores, políticas, comunicação e gestão de RH;
  • psicológico: estresse, oportunidades de crescimento, pressão, autonomia, clima organizacional etc;
  • físico: atividade exercida, alimentação e higiene.

O que fazer para melhorar o bem-estar dos funcionários?

Sabendo que o bem-estar do funcionário é importante para o sucesso da empresa, proporcionar esse estado pode ser um desafio para o gestor de facilities e do RH. A corporação deve proporcionar um ambiente agradável tanto para o conforto físico quanto para o conforto emocional. Neste tópico, sugerimos algumas ações que podem promover melhor qualidade de vida dentro da empresa. 

Faça uma pesquisa de clima

Antes de começar a fazer ações de bem-estar no trabalho é necessário identificar os pontos que podem causar estresse no ambiente. Assim, fica mais fácil corrigir os problemas e acertar em cheio. Para isso, você pode fazer uma pesquisa de clima. 

Essa ferramenta auxilia o RH a entender a percepção dos funcionários sobre o que os agrada e o que os incomoda em relação às várias questões, como as tarefas executadas, a remuneração e o relacionamento com os colegas e superiores

Dê atenção à ergonomia

A ergonomia é um conjunto de práticas que visa a saúde do funcionário, especialmente, dentro da empresa. Em um escritório, por exemplo, ela dita normas para que móveis e equipamentos estejam dispostos em uma posição confortável e agradável para executar as tarefas e que não gere problemas de saúde, como dores na coluna ou tendinites. 

Saiba que seguir essas regras é obrigatório. Sendo assim, se a empresa ainda não estiver em conformidade, é importante regularizar. Além disso, a ergonomia é primordial para a disposição e produtividade dos colaboradores.

Incentive o cuidado com a saúde 

Um dos maiores pontos de atenção no bem-estar dos trabalhadores é a saúde mental. Estresse, depressão e ansiedade são condições cada vez mais presentes entre os funcionários, independentemente da função ou cargo.

Também não podemos ignorar a saúde física. Má alimentação e sedentarismo, por exemplo, são problemas que afetam diretamente a produtividade e podem levar a altas taxas de absenteísmo.

Portanto, incentive o cuidado com a saúde integral. Palestras com profissionais, campanhas de conscientização, parcerias com academias e um bom plano de saúde são algumas das ações que podem ajudar.

Estimule o bom relacionamento

Um bom relacionamento entre os funcionários e a empresa é fundamental para ter um bom clima organizacional. Se as tarefas devem ser feitas em conjunto, essa harmonia é ainda mais necessária. 

Por isso, estimule essa relação promovendo dinâmicas e encontros com intuito de integração do time. Hoje em dia, existem empresas especializadas nesse tipo de campanha, o que é muito útil.

Sabemos que as funções do gestor de facilities são muitas, por isso resolvemos fazer um guia sobre a profissão. Você pode aproveitar a oportunidade e baixar nosso material exclusivo clicando aqui.

Como você pode conferir, um dos desafios do gestor de facilities e do RH é criar ações que favoreçam o bem-estar dos funcionários. Quando bem feitas, essas práticas geram uma sensação de satisfação nos colaboradores que resultam em maior engajamento e produtividade.

Você sabia que existem diferenças entre trabalho remoto e home office? Saiba que não é o único. É bem comum essa confusão, por isso fizemos um post para falar mais sobre o assunto. Confira!

Texto de Renata Nogueira, produtora de conteúdo para a web e redatora.