Futuro do Trabalho

10 tecnologias inovadoras para 2021, de acordo com o MIT

Renato Ribeiro
Escrito por Renato Ribeiro em abril 7, 2021
5 min de leitura
10 tecnologias inovadoras para 2021, de acordo com o MIT
Junte-se a mais de 30 mil pessoas!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o futuro do trabalho!

O MIT apresentou 10 tecnologias inovadoras para 2021. Elaboramos um resumo com as principais ideias para você. Confira!

O Massachusetts Institute of Technology (MIT), que já atestou que o futuro do trabalho será híbrido, divulgou recentemente uma lista com 10 tecnologias inovadoras para 2021.

Algumas das tecnologias mapeadas pelo instituto já fazem parte de nossas vidas, enquanto outras devem despontar daqui a alguns meses ou anos.

Veja a lista do MIT com 10 tecnologias inovadoras

A seguir, apresentaremos um resumo com as tecnologias inovadoras que recentemente foram divulgadas pelo MIT. Confira!

1. Vacina com RNA mensageiro

gene vaccine illo

O RNA mensageiro funciona como uma cópia efêmera de um gene. Em entrevista ao UOL, o imunologista Steve Pascolo explicou que nossos cromossomos são como 23 livros com receitas sobre o funcionamento do nosso organismo.

Cada célula do nosso corpo copia essas receitas em função de suas necessidades. Essa cópia é chamada de RNA mensageiro. As células do pâncreas, por exemplo, copiam a receita da insulina.

As vacinas com RNA mensageiro já estão sendo pesquisadas há mais de 20 anos. De acordo com o MIT, os dois imunizantes mais eficazes contra o novo coronavírus têm essa característica.

A tecnologia do RNA mensageiro marca o início do fim da pandemia da Covid-19, o que fará com que as pessoas possam voltar a ter uma vida mais próxima ao que era antes do surgimento do novo vírus. A volta aos escritórios é exemplo disso!

O avanço da tecnologia também promete soluções genéticas mais baratas e eficientes para produzir novas vacinas. Um imunizante contra o vírus HIV, por exemplo, já está sendo testado.

2. GPT-3

conceptual photograph of unicornsO GPT-3 é o mais poderoso sistema de inteligência artificial (IA) já criado. Ele foi treinado com o texto de milhares de livros e partes da internet, sendo a IA mais alfabetizada que se tem registro.

O sistema consegue imitar o texto escrito por humanos de maneira impressionante. Apesar disso, o GPT-3 ainda não entende o que escreve, fazendo com que, muitas vezes, as frases sejam desconexas e sem sentido.

3. Algoritmos de recomendação do TikTok

Desde o seu lançamento na China, em 2016, o TikTok se tornou uma das redes sociais mais importantes e com crescimento mais rápido no mundo.

O sucesso da rede social chinesa pode ser explicado pelos seus algoritmos. Eles têm capacidade de entender com clareza os gostos de cada usuário. 

Assim, um novo criador de conteúdo pode atingir a sua audiência com muito mais rapidez e se tornar “famoso” na rede bem mais rápido do que acontece em concorrentes como o YouTube e o Instagram.

4. Baterias de metal de lítio

Os veículos elétricos, apesar de eficientes, ainda são pouco econômicos para o usuário, tendo em vista que é possível dirigir poucos quilômetros sem ter que recarregá-los.

No entanto, uma startup do Vale do Silício já trabalha no desenvolvimento de baterias de metal de lítio e não mais de íons, como é usado atualmente. Dessa forma, os carros poderão ter carga energética por muito mais tempo.

solid state lithium battery

5. Relações de confiança de dados

As empresas de tecnologia precisam administrar melhor os dados dos usuários. Em vários países, como acontece no Brasil com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), já existem legislações que regulamentam isso.

Desenvolve-se agora uma tecnologia que coleta e gerencia os dados pessoais em nome dos usuários. A ideia é que o recurso ofereça uma solução para problemas relacionados à falta de segurança e privacidade na internet.

6. Hidrogênio verde

O hidrogênio verde sempre foi uma possível substituição intrigante para os combustíveis fósseis. Ele queima de forma limpa, não emitindo dióxido de carbono, tem alta densidade energética e é uma boa maneira de armazenar energia de fontes renováveis ativas e desativadas.

A Europa está liderando os estudos sobre a construção da infraestrutura necessária para usar mais o hidrogênio verde globalmente, por meio de usinas de eletrólise que funcionam com energia solar e eólica.

7. Rastreamento de contato digital

O rastreamento de contato digital foi visto como uma interessante medida para evitar a disseminação descontrolada do novo coronavírus. Por meio do GPS dos smartphones, por exemplo, uma pessoa pode registrar por onde passa e, caso seja diagnosticada com a doença, consegue compartilhar os dados com outros usuários e impedir que eles passem por locais possivelmente infectados.

Apesar de gigantes da tecnologia, como a Apple e o Google terem lançado tecnologias do tipo, o recurso falhou. As pessoas não se sentem confiáveis em usar esse tipo de aplicativo, muito por conta de posicionamentos sem fundamentos de autoridades políticas, que acabam persuadindo a população.

A expectativa é para que as notificações de exposição sejam melhoradas futuramente e sejam usadas em futuras epidemias ou situações em que exigirem controle da saúde pública.

tecnologias inovadoras para 2021

8. Posicionamento hiperpreciso

Todos nós usamos GPS no dia a dia. Isso transformou as nossas vidas e muitos negócios. Mas, embora a tecnologia de hoje tenha uma precisão de 5 a 10 metros, os novos recursos de posicionamento hiperprecisos têm precisão de alguns centímetros ou milímetros. 

Isso está abrindo novas possibilidades, de avisos de deslizamento a robôs de entrega e carros autônomos que podem navegar pelas ruas com segurança.

9. Tudo remoto

A pandemia da Covid-19 fez com que tudo tivesse que ser remoto, levantando discussões como o futuro do trabalho e a cultura do anywhere office.

Também se desenvolveram tecnologias para que as atividades relacionadas à saúde e à educação sejam feitas remotamente. Acredita-se agora que as pessoas seguirão fazendo suas atividades de forma híbrida, aproveitando o melhor dos universos físico e digital.

10. IA multi-qualificada

Apesar do grande progresso da inteligência artificial nos últimos anos, os recursos de IA ainda são pouco eficazes em muitos aspectos, como a resolução de problemas desconhecidos.

Estão sendo desenvolvidas maneiras de tornar os sensores de IA mais parecidos com os humanos, usando recursos como a visão computacional ou o reconhecimento de áudio.

Com múltiplos sentidos, a IA será mais qualificada e será possível utilizá-la para ainda mais finalidades em nosso dia a dia.

Essas são as 10 tecnologias inovadoras que o MIT listou como as mais importantes para 2021 e também os próximos anos. Ficar por dentro dessas novidades é interessante, até mesmo para nos prepararmos para um futuro bem próximo, que está logo ali.

Por falar em preparação para o futuro, que tal ler o nosso artigo que mostra o que Mark Zuckerberg, o criador do Facebook, está falando sobre o futuro do home office?

Texto de Lucas Flores – Relações Públicas, mestre em Letras, Cultura e Regionalidade e produtor de conteúdo para Web —, adaptado do original publicado em inglês no portal Technology Review.