O que é uma empresa scaleup e como ela se difere de uma startup

Como os próprios nomes já sugerem, enquanto uma startup está no estágio inicial e, em geral, é uma empresa menor, as scaleups são organizações com um modelo de negócios altamente escalável.

Na última década ouvimos falar frequentemente das startups e empresas de tecnologia. Atualmente o conceito já é compreendido pela grande maioria das pessoas, afinal gigantes do mercado (como Google, Apple e Facebook) começaram como startups. Mas, agora, com o crescimento desses negócios, um termo mais novo surge: scaleup. Você sabe o que é uma empresa scaleup e quais as diferenças em relação às startups?

Como os próprios nomes já sugerem, enquanto uma startup está no estágio inicial e, em geral, é uma empresa menor, as scaleups são organizações com um modelo de negócios altamente escalável. De acordo com a Endeavor, o termo é aplicado a corporações “que ficam dentro do grupo das empresas de alto crescimento — negócios que crescem pelo menos 20% ao ano, por três anos consecutivos, em número de funcionários ou receita. Mas nem toda empresa de alto crescimento é uma scaleup”.

Neste texto explicaremos melhor o termo, além de como e quando as empresas podem se tornar scaleups. Falaremos sobre os principais pré-requisitos e ainda daremos exemplos de negócios que se encaixam na classificação para que você compreenda, na prática, como ela funciona. Então, se você quer saber o que são as empresas escaláveis, continue lendo!

Origem do termo e significado

Scaleup foi um termo popularizado pela primeira vez pelo empresário, líder e palestrante do TEDx, Sherry Coutu e por Frank Nouyrigat, co-fundador do Startup Weekend. Ele se refere a uma empresa que validou seu produto e provou que sua economia unitária é sustentável, tendo um crescimento médio anual de pelo menos 20% nos últimos 3 anos. Segundo a OCDE o crescimento anual pode ser medido em termos do número de funcionários ou da rotatividade.

Podemos também definir uma scaleup como a evolução de uma startup, de certa maneira. À medida que se tornam empresas em crescimento — ou seja, depois de resolverem a pesquisa de mercado, o desenvolvimento e identificarem um modelo de negócios escalável e repetitivo — elas sobem um degrau na escada para a fase de expansão.

empresa scaleup

Uma vez que uma startup aumenta, ela não é mais uma startup. Possui um sistema operacional, uma hierarquia de gerenciamento reconhecível, define funções para cada membro da equipe e, o mais importante, uma ideia validada pelos próprios consumidores finais. A partir daí podem se transformar em scaleups.

O que define uma empresa scaleup

Existem alguns critérios a serem avaliados para que se possa classificar uma empresa como scaleup. Veja os principais deles:

  • Desenvolvimento escalonável: as despesas e as receitas aumentam, mas não na mesma proporção;
  • Crescimento exponencial: crescimento médio anual de pelo menos 20% nos últimos 3 anos;
  • Eficácia comprovada: uma scaleup validou seu produto no mercado e provou que a economia da unidade é sustentável;
  • Mentalidade inovadora: de uma forma mais subjetiva, pode-se considerar que as scaleups têm um DNA particular, composto por uma vantagem competitiva, encantamento dos clientes, visão envolvente e um mercado com grande potencial.

Além disso, a revista Forbes adiciona ao pacote as seguintes características: investimento ou aquisição de uma grande empresa, lucro superior a 20 milhões de dólares, mais de 80 funcionários e no mínimo cinco pessoas na diretoria.

Como uma empresa scaleup contribui para a economia do país

Um artigo publicado pela Endeavor mostra que em 2018 o Brasil tinha aproximadamente 20 mil empresas em fase de escalonamento. O que representa apenas 0,5% do total de empresas do país. Entretanto, elas são apontadas como responsáveis por quase 70% dos novos empregos gerados. E não para por aí: “segundo um estudo feito em 2015 pela Endeavor, as scaleups contratam, em média, 31,3 novos funcionários por ano, sendo que a média do restante das empresas é de apenas 0,34”.

Os estudos realizados pela instituição concluíram, ainda, que 92% dessas organizações são pequenas e médias empresas (PMEs). O que faz sentido, já que para se escalar um negócio é necessário que haja espaço para crescimento. “Além disso, as empresas de alto crescimento, em média, são mais jovens que as demais empresas, mas isso não quer dizer que elas sejam novas. No Brasil elas têm, aproximadamente, 13,9 anos”, complementa o artigo.

Empresas no Brasil que são scaleups

Uma empresa que está em rápida expansão precisa, também, de espaço físico disponível para crescimento da equipe. Por isso, diversas delas buscam o BeerOrCoffee como solução de espaços de escritórios flexíveis. Assim, podem aumentar o time em todo país sem preocupações com contratos extremamente burocráticos e falta de salas. Veja quais são elas e como se autodescrevem abaixo.

Loggi

“A Loggi é uma empresa de tecnologia, que através da plataforma que conecta os clientes que precisam de uma entrega a um mensageiro disponível. Não somos uma empresa de motofretista, somos a ponte entre cliente e mensageiro. Basta utilizar o aplicativo em seu celular ou o site em seu computador, que seu serviço será realizado!”

99

“Fundada em 2012, a 99 é fruto da vontade de fazer diferente de três conhecidos geeks da internet brasileira: Ariel Lambrecht, Renato Freitas e Paulo Veras. Seis anos depois, fomos adquiridos pela DiDi, a maior plataforma de transporte por celular do mundo que atinge mais de 60% da população mundial e cobre mais de mil cidades com um serviço de mobilidade cada dia melhor.”

iFood

“O iFood surgiu em 2011 e hoje somos a maior foodtech da América Latina com operações no Brasil, no México, na Colômbia e na Argentina. São cerca de 6,2 milhões de pedidos mensais e 5,1 milhões de usuários ativos. Nosso propósito é revolucionar o universo da alimentação por uma vida mais prática e prazerosa.”

Banco Inter

“Quem precisa de mais um banco burocrático e cheio de tarifas? Acreditamos que a relação das pessoas com seu banco pode ser muito mais simples, transparente e justa. E movidos por esta crença, estamos promovendo uma grande revolução no mercado bancário. O Banco Inter é o primeiro banco totalmente digital com ações listadas na B3 e o único a oferecer uma conta 100% gratuita. Com uma robusta plataforma de multisserviços, somos um banco prático e completo como os novos tempos exigem, mas também seguro e confiável como tem que ser.”

Sympla

“A Sympla é uma plataforma que conecta pessoas a experiências únicas, desde o momento de descoberta à realização do evento. Através da tecnologia, possibilitamos que organizadores possam criar, organizar, gerir e divulgar eventos, proporcionando ao participante dezenas de milhares de opções para escolher o que quiser viver. Líder de mercado, com o maior número de eventos do Brasil, a Sympla é para todo tipo de evento e de público, em qualquer lugar do país.”

Take

“A Take nasceu para facilitar a comunicação entre empresas e pessoas. Com a nossa plataforma BLiP e metodologia própria de construção, gestão e evolução de contatos inteligentes, já inserimos marcas globais nos principais canais de mensagem através de chatbots.”

Kenoby

“O Kenoby é um software SaaS que atende de ponta a ponta toda a área de recrutamento e seleção, desde uma requisição de posição, divulgação das vagas através de integrações e relatórios, eliminando 100% o uso de excel. A proposta do Kenoby é oferecer às empresas uma solução que contribua para a contratação dos melhores profissionais. Isso se torna possível através de uma plataforma moderna e amigável que inclui todo o processo de recrutamento, se integrando com diversas ferramentas de mercado e fornecendo uma inteligência que sugere os candidatos mais compatíveis.”

Cora

“Feito com carinho, respeito e admiração para aqueles que se dedicam, a Cora existe para simplificar a administração financeira de pequenas e médias empresas, para que você, autônomo ou empresário, possa focar no que tem de mais valioso: o seu tempo no seu negócio.”

Gympass

“O Gympass é uma rede de diferentes instalações de esportes, fitness e bem-estar, com atualmente cerca de 1.800 estúdios parceiros na Alemanha. O Gympass não é um ginásio, mas o Gympass coopera com as instalações existentes no mercado. No Gympass para você treinar mais de 700 atividades diferentes em milhares de academias em todo o Brasil, sem taxa de matrícula e multa de cancelamento. Você pode treinar naquela academia que já conhece e descobrir outras em qualquer lugar do Brasil ou até mesmo em outros países onde o Gympass já está presente.”

Stone

“Muito mais que uma maquininha no balcão. Nós acreditamos que o desenvolvimento de um dono de negócio é o desenvolvimento de toda a economia. Acreditamos que apenas entregar a nossa máquina na mão de um lojista não é o suficiente. Acreditamos que é preciso mudar a maneira como os donos de negócio são tratados, além das relações entre todo o mercado de pagamentos. Portanto, não é sobre empreender, é sobre empreendedores.”

Dicas para otimizar o crescimento de uma empresa scaleup

Mas, afinal, como é possível otimizar o crescimento de uma empresa scaleup? Essa é uma pergunta que surge frequentemente, já que alguns processos precisam ser adaptados devido às mudanças frequentes e rápidas. Separamos aqui algumas dicas simples que você aplicar para que esse processo seja mais tranquilo.

1. Estabeleça parâmetros e processos de contratação

Crescer a equipe é grande parte do desenvolvimento de uma organização. Mas obviamente é preciso selecionar bem quem fará parte da empresa. Por isso, contar com ferramentas que auxiliam o processo de contratação é essencial. A Sólides, por exemplo, oferece um software de diagnóstico e gestão de equipes completo com o qual é possível analisar o perfil de cada candidato e colaborador. Ele é útil tanto para o recrutamento e seleção quanto para a gestão de talentos.

2. Opte por espaços de trabalho expansíveis

A estrutura de escritórios é um aspecto bastante importante e que influencia na satisfação e produtividade da equipe. Muitas vezes, quando o time cresce rapidamente é comum que as empresas precisem fazer adaptações emergenciais a fim de receber novos profissionais — o que nem sempre acontece da forma mais confortável.

Por isso, investir em escritórios flexíveis é a melhor estratégia que você pode utilizar. Nos espaços de coworking é possível contratar novas salas ou posições em áreas compartilhadas de acordo com a sua necessidade. E o melhor, você não precisa se preocupar com reformas, já que o local vem com a infraestrutura completa para receber a todos — isso inclui mesas, cadeiras, iluminação, internet e muito mais!

3. Permita o trabalho remoto em sua empresa scaleup

Quanto mais possibilidades de cidades, estados e países você incluir no seu recrutamento, maiores as chances de encontrar os funcionários ideais, não é mesmo? Aderindo ao trabalho remoto isso é possível. Você pode ter uma sede em São Paulo, por exemplo, e contratar profissionais qualificados de todo Brasil (e até do mundo).

Graças aos escritórios compartilhados e à tecnologia cada vez mais desenvolvida os seus colaboradores poderão desfrutar dos melhores espaços e ferramentas mesmo estando longe da sede.

Espaços flexíveis para alocar sua empresa

E já que os escritórios flexíveis podem ser tão úteis para o crescimento de uma empresa scaleup, separamos aqui alguns dos melhores espaços em duas das principais capitais brasileiras: São Paulo e Belo Horizonte. Eles contam com estruturas de ponta e localizações privilegiadas. Confira abaixo!

São Paulo

Nextt 49+

Imagem ilustrativa

O Nextt 49+ está localizado ao lado do metrô Vila Mariana, ocupando uma casa tombada pelo Patrimônio Histórico, demonstrando que tradição e inovação podem e devem caminhar juntos. “Um espaço único, denominado business network, misto de coworking, incubadora e aceleradora, com mentoria e dinâmicas de relacionamento com especialistas e investidores, voltado a quem quer empreender com foco neste target”.

Endereço: Rua Capitão Cavalcanti, 38 — Vila Mariana.

VieWork Coworking

Imagem ilustrativa

O espaço oferece uma das mais belas vistas de SP, ambiente aconchegante e descolado e que atende a todas suas necessidades.

Endereço: Rua Francisco Tramontano, 101 — Real Parque

Club Coworking Faria Lima

Imagem ilustrativa

Além de um espaço que rompe totalmente com os padrões brasileiros e representa uma evolução nos escritórios de coworking você conta, ainda, com a qualidade dos serviços e atendimento que transformaram o Club Coworking em referência no mercado.

Endereço: Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 1327 – Itaim Bibi.

VIP Office

Imagem ilustrativa

O Vip Office é mais um coworking em SP perfeito para fazer networking e ter novas ideias. Além de contar com toda infraestrutura para o seu negócio avançar, o espaço oferece um lounge com café no térreo para reuniões informais, almoços e drinks.

Endereço: Alameda Santos, 1773 – Jardim Paulista.

Belo Horizonte

Urbano

coworking em BH
Imagem ilustrativa

O Urbano é um espaço de escritórios compartilhados no centro de BH que oferece opções de mesas compartilhadas, posições fixas para residentes, escritório privativo e salas de reunião. Além disso, possui um espaço de mesas e cadeiras para conversas informais e uma pausa para o café. Recentemente foi inaugurada uma nova unidade na Savassi, direcionada para a construção de escritórios sob medida e salas privativas.

O unidade do centro fica dentro de um prédio localizado estrategicamente na Avenida Jõao Pinheiro, a um quarteirão do Parque Municipal e a apenas cinco minutos a pé da Praça da Liberdade. Já a da Savassi fica na avenida Getúlio Vargas, próxima ao agitado centro comercial da região.

Endereços:

  • Av. Getúlio Vargas, 1245 — Funcionários;
  • Av. João Pinheiro, 146 — Centro.

Órbi Conecta

Fachada

O Órbi Conecta, como o próprio nome já sugere, é o lugar perfeito para criar novas conexões. Este espaço de coworking, que é patrocinado por diversas empresas que abraçaram o futuro do trabalho, oferece aos seus frequentadores e residentes um ambiente moderno e dinâmico.

Há salas privativas, estações de trabalho compartilhadas, um amplo jardim, cafeteria e até uma piscina de bolinhas com cadeiras de balanço. Localizado na Avenida Presidente Antônio Carlos, próximo ao centro da cidade, o Órbi tem um fácil acesso e está em um complexo comercial que oferece estacionamento gratuito.

Endereço: Avenida Presidente Antônio Carlos, 681, loja 12 — Lagoinha.

1510 Coworking

Imagem ilustrativa

O 1510 é um espaço compartilhado completo, com recursos de padrão elevado de qualidade e requinte. Próximo da Savassi e da região hospitalar, esse ambiente é perfeito para quem deseja alavancar o negócios e proporcionar novas conexões com clientes e parceiros.

Ele conta com serviços de recepção, gestão de correspondência e endereço comercial. Além disso, ele tem salas privativas e estações de trabalho compartilhadas, dando liberdade para que você escolha qual é o melhor formato para o perfil e objetivos da sua empresa.

Endereço: Rua Bernardo Guimarães, 245 — Funcionários.

BHZ Coworking

Imagem ilustrativa

BHz Coworking oferece a empresas uma ótima localização, além de equipamentos de ponta e de última geração. Isso sem falar no atendimento e nos serviços diferenciados, além de ter uma linda e moderna decoração.

Endereço: Rua Rio Grande do Norte, 1436 – Savassi.

Como vimos ao longo deste post, uma empresa scaleup é uma organização que está se escalando no seu mercado com a adoção de novos processos e ideias inovadoras. Se você se interessou pelo assunto, leia mais neste artigo em que falamos sobre o futuro do trabalho e como a inovação nos negócios garante o crescimento das organizações.

Facebook Comments
O que é uma empresa scaleup e como ela se difere de uma startup

A importância de valorizar a presença das mulheres no mercado de trabalho

O que é uma empresa scaleup e como ela se difere de uma startup

7 maneiras fáceis de melhorar a cultura na empresa

Newer post