Futuro do trabalho: principais tendências para 2020

É seguro dizer que o futuro já chegou. Pode até ser que as teorias que víamos em filmes como “De Volta para o Futuro”, “Mad Max” e “O Exterminador do Futuro” não tenham se concretizado, mas a tecnologia veio com tudo e trouxe muitas mudanças na última década. E isso nos faz indagar: o que vem por aí? Quais serão as tendências para 2020?

Tanto no trabalho quanto no dia a dia, os smartphones, robôs, ferramentas de inteligência artificial e computação na nuvem revolucionaram as formas de comunicação e processos cotidianos. E pode parecer que não há mais o que evoluir — mas há, e muito! Coisas que nem imaginamos que possam existir logo se tornarão realidade. Afinal, há 10 anos ninguém previa que um pequeno aparelho celular poderia fazer tantas coisas, por exemplo.

Claro que não conseguimos prever o futuro, mas podemos criar algumas hipóteses e falar sobre tendências. E é isso que faremos ao longo deste texto. Listaremos os principais aspectos a serem considerados para o próximo ano quando o assunto é futuro do trabalho e daremos dicas para que você esteja sempre à frente do mercado. Vamos lá?

Colaboração multifuncional

Se inserir em um ambiente colaborativo, como os coworkings, é algo que muitas empresas e profissionais já fazem. Dentre os benefícios, estão o aumento da empatia, oportunidades de networking e aprendizado para realizar tarefas em equipe. Mas, além disso, uma das tendências para 2020 no que tange o futuro do trabalho é a colaboração multifuncional dentro das empresas.

Isso significa que cada vez mais colaboradores sairão da sua zona de conforto, extrapolando seus campos e especialidades, para experimentar novos setores dentro da organização. Ou seja, um executivo de vendas poderá ter a oportunidade de trabalhar juntamente com o marketing e vice-versa. E não necessariamente serão áreas correlatas, já que uma troca de conhecimentos e experiências entre pessoas de humanas e exatas, por exemplo, é extremamente proveitosa.

As próprias empresas têm muito a ganhar com essa situação. Afinal, quando são geradas novas perspectivas e pontos de vista, a criatividade e capacidade de resolução de problemas são potencializadas. E os funcionários, claro, ganham uma experiência que pode proporcionar um grande crescimento pessoal e profissional.

tendências para 2020

Crescimento do trabalho remoto

Um artigo publicado pela Harvard Business Review apontou que funcionários que trabalham de forma remota ganham mais produtividade e qualidade de vida. Isso acontece porque os profissionais economizam tempo e dinheiro com deslocamento, podem escolher morar nas regiões que mais lhe agradam e têm tudo que precisam por perto. Assim, sobra tempo para focar nas atividades que realmente importam.

Outro ponto a ser destacado é que com a expansão dos negócios, prender-se a um espaço físico específico não é mais interessante para a grande maioria das empresas. Dessa forma, ter colaboradores em qualquer lugar do mundo também é uma forma de aumentar a sua área de atuação, além de trazer mais oportunidades de benchmarking.

O potencial de contratação também não se limita mais a uma pequena área geográfica. Ou seja, o “anywhere office” abre a empresa para um conjunto de talentos significativamente maior. Tendo isso em vista, em 2020 ainda mais organizações estarão abertas a empregar o trabalho remoto em seu dia a dia.

Uso da inteligência artificial

É impossível falar de futuro do trabalho e tendências para 2020 sem citar o crescimento da presença de inteligência artificial (IA). Tanto nas empresas quanto no nosso cotidiano essas tecnologias serão cada vez mais comuns. Elas vêm para ajudar a melhorar processos, aumentar a segurança dos locais de trabalho e ainda automatizar uma série de tarefas operacionais.

Isso não quer dizer que os humanos serão substituídos pelas máquinas. Especialistas apontam uma demanda crescente por soluções de tecnologia para apoiar os funcionários e aprimorar o fluxo de trabalho por meio da automação. O que significa que as profissões poderão, sim, passar por mudanças, mas de uma forma bastante positiva e não no estilo Westworld (pelo menos por enquanto).

Dentro disso, uma novidade é a “inteligência de conteúdo”. Ela consiste no uso de ferramentas que analisam, categorizam, extraem dados e editam documentos fazendo uso da IA. De acordo com um whitepaper publicado pela Abby em parceria com a IDC “no futuro local de trabalho as organizações irão agregar valor através da automação e realidade aumentada. Essas novas abordagens também envolvem maximizar o valor do conteúdo e ativos de informação”.

Mais satisfação no trabalho

Dentre as tendências para 2020 está o aumento da preocupação das empresas com a satisfação dos seus colaboradores. Hoje, os funcionários esperam muito mais do que apenas um bom salário e um ambiente de trabalho ideal. Os profissionais consideram a cultura da empresa, políticas de trabalho, oportunidades de crescimento, remuneração e muito mais em suas decisões.

Assim, melhorar a experiência dos funcionários é a necessidade do momento. Diversas empresas já contam com a ajuda de soluções avançadas de tecnologia de RH para aprimorar a experiência dos profissionais. Há ferramentas capazes de recolher dados, analisar e sugerir mudanças internas a fim de garantir satisfação aos colaboradores.

Nesse processo os dois lados saem ganhando. As organizações que garantem uma maior satisfação para seus funcionários têm resultados cada vez melhores em troca. Os colaboradores ficam mais engajados, produtivos e se transformam em defensores da marca. A rotatividade diminui consideravelmente e a eficiência operacional também cresce.

tendências para 2020

Utilização de escritórios compartilhados

Como dissemos neste post o número de espaços de coworking espalhados pelo mundo cresceu exponencialmente desde 2015. A partir deste ano a construção de novos escritórios começou a desacelerar. Mas, por outro lado, a utilização desses ambientes aumentou ainda mais. E ao que tudo indica o número de pessoas e empresas nos escritórios compartilhados crescerá cada vez mais.

Isso significa que a taxa de ocupação dos coworkings será maior à medida que os números de construção de novos espaços e a demanda por locais desse tipo começam a se equilibrar. Os principais motivos pelos quais essa procura é cada vez maior são a economia gerada para as empresas, aumento da eficiência operacional, incentivo à cultura colaborativa e o maior estímulo à inovação.

Talvez você imaginasse que as tendências para 2020 estariam muito mais relacionadas aos aparatos tecnológicos. Mas pelo que pudemos ver as pessoas e o ambiente de trabalho ainda são os principais aspectos a serem considerados. Por isso, adotar uma nova forma de lidar com as rotinas profissionais é essencial. Então, se você quer aprender como adotar uma cultura colaborativa e inovadora, leia este post em que listamos 8 dicas essenciais para criar uma cultura de inovação no ambiente de trabalho.

Mariana Mendes é jornalista do BeerOrCoffee e apaixonada por escrever sobre marketing e futuro do trabalho.

Facebook Comments
Futuro do trabalho: principais tendências para 2020

6 razões que indicam que um coworking faz sentido para sua empresa em 2020

Futuro do trabalho: principais tendências para 2020

Lidando com as mudanças no trabalho: escritório flexível ou sala comercial?

Newer post