Futuro do Trabalho na Prática: tudo sobre a palestra de Roberta e Pedro Vasconcellos

Futuro do Trabalho na Prática! Essa está sendo a tônica do evento do BeerOrCoffee, que está acontecendo nesta sexta, 8/11, dentro do Welcome Tomorrow — um dos maiores eventos de mobilidade no mundo.

Neste texto, vamos destacar todos os detalhes da primeira palestra do encontro, em que os irmãos e cofundadores do BeerOrCoffee, Roberta e Pedro Vasconcellos, falaram tudo sobre o futuro do trabalho. Confira!

Novas maneiras de viver, aprender e trabalhar

Não há mais delimitação do espaço físico. Conforme Roberta lembra, ter um dia agradável de trabalho está cada vez mais móvel e fácil, o que gera felicidade, alegria e qualidade de vida no dia a dia das atividades profissionais.

Pedro, por sua vez, lembrou que 75% da força de trabalho será de millennials até 2025. Sobre o trabalho remoto, ele lembrou que a base para que o modelo de trabalho dê certo é a confiança. Dentro desse contexto, o universo dos coworkings ganha destaque.

Entre outras questões, o que impulsionou essa indústria dos escritórios compartilhados é uma mudança de mindset, que traz mais resultados. “Temos muitas informações, em grande escala, todos os dias. Por isso, temos de aprender e desaprender todos os dias”, diz Roberta.

Além disso, frisou que as pessoas podem fazer o que querem, de acordo com o propósito delas. Afinal, esse é o novo modelo de pensamento, no qual os profissionais terão de se adaptar para novas tarefas, adquirir novas competências e desempenhar novos papéis dentro das organizações.

Crescimento do mercado de coworkings

Todas essas transformações estão eminentemente ligadas ao crescimento do mercado de coworkings. Afinal, há uma nova forma de trabalho entre as pessoas e as empresas. Em sua fala, Pedro também lembra da flexibilidade, da liberdade e da tranquilidade para executar as atividades profissionais de forma mais rápida, prática e eficaz.

“A gente vê que grandes empresas do mundo estão escolhendo novas formas de trabalho como estratégia para conquistar mais resultados”, disse Pedro. “É preciso ter confiança para que esse novo modelo flexível dê certo. Com isso, as pessoas trabalharão mais felizes e serão mais produtivas”, complementou.

Em relação às empresas, Roberta afirmou que as principais vantagens são a redução de custos, mobilidade e liberdade, entre outras. Ela também destacou que o futuro do trabalho está muito ligado a um mundo com muito mais networking e oportunidades de negócios.

Serendipidade e conexões ao acaso

Em ambientes flexíveis, é natural que muitas empresas e pessoas das mais diversas áreas se encontram e isso ajuda a gerar mais criatividade e inovação. As pessoas, afinal de contas, são o mais importante de todos os processos.

Mais do que pensar em um trabalho específico, as pessoas que são mais importante de todo processo. A experiência delas é o que faz a diferença. Hoje, o anywhere office — ou o trabalho em qualquer lugar — é a bola da vez.”O que importa é o resultado, isso é o anywhere office”, destacou Pedro.

Por fim, Roberta e Pedro disseram juntos: “Por que a gente fala de futuro de trabalho? Para dar mais liberdade para as pessoas. Essa é a base de tudo. As pessoas podem trabalhar e viver a vida ao mesmo tempo. Queremos fazer um convite para todos viverem essa vida com a gente”.

Demais, não é mesmo?! =)

Facebook Comments
Futuro do Trabalho na Prática: tudo sobre a palestra de Roberta e Pedro Vasconcellos

Principais estratégias para manter uma força de trabalho remota envolvida

Futuro do Trabalho na Prática: tudo sobre a palestra de Roberta e Pedro Vasconcellos

Peter Kawamura: “o que importa são as pessoas felizes no trabalho”

Newer post