Davi x Golias: como as startups podem enfrentar gigantes do mercado?

Davi se tornou o Rei de Israel em uma situação totalmente improvável. Ele era o mais novo de 8 irmãos, bem magrinho e de baixa estatura, ou seja, parecia bastante frágil.

Naquela época, Israel estava em guerra com os filisteus, um povo que contava com um grande e forte exército e que tinha a ajuda de Golias, um guerreiro gigante que media mais de 3 metros de altura.

Por muitos dias, Golias aproveitou sua força para tentar destruir seus inimigos. Dava a impressão que derrotá-lo era uma questão impossível. No entanto, o pequeno Davi resolveu que era o momento de virar o jogo.

Mesmo sendo motivo de chacota e incredulidade por conta da sua aparência frágil, ele partiu para cima de Golias e, de uma maneira ousada e inovadora — contou com a ajuda de uma pedra —, venceu seu oponente.

Essa história é uma analogia perfeita para falar da relação entre as startups e os gigantes do mercado. Assim como no embate entre Davi e Golias, parece que é impossível um pequeno negócio enfrentar uma organização que vale e vende milhões.

No entanto, é só pararmos para pensar um pouco em nossa história recente. O Nubank causa muito incômodo a grandes instituições financeiras do mercado. A Netflix deixou a Blockbuster a ver navios. O Uber revolucionou o mercado da mobilidade e o Airbnb causou um verdadeiro terror na indústria hoteleira.

Neste texto, buscamos desvendar como a sede por inovação pode fazer com que pequenas empresas enfrentem as gigantes no mercado. Além disso, daremos dicas para que você esteja sempre à frente da concorrência, vivendo o futuro, enquanto eles vivem o presente. Vamos em frente?!

Imagine que uma fraqueza pode ser uma força

Como é possível competir com grandes empresas já estabelecidas no mercado quando o seu negócio está apenas começando? Essa é uma pergunta que empreendedores de startups se fazem constantemente. No entanto, o que pode parecer uma fraqueza, se torna uma grande força em determinados momentos. Basta saber aproveitar o seu potencial.

Se você entra no mercado querendo trazer o “mais do mesmo” está, muito provavelmente, fadado ao fracasso. Um bom empreendedor inicia um negócio porque reconhece uma necessidade não atendida — algo, por exemplo, que nunca havia passado pela cabeça da concorrência. É exatamente assim que startups ganham uma vantagem competitiva.

Pense fora da caixinha e não tenha medo dos gigantes do mercado

Pode parecer óbvio, mas não é. Inovar é imprescindível se você quer ter sucesso no seu negócio. Muitas pessoas, quando pensam em criar uma empresa, se baseiam nas grandes organizações que já conquistaram sucesso. É comum ouvirmos frases como “quero ser o próximo Uber” ou “minha fintech será como a XP Investimentos”.

Muitos empresários caem na armadilha de tentar se transformar na concorrência e aí podem querer copiar uma ideia, o que provavelmente não será uma boa alternativa, concorda? Competir no mesmo campo, é claro, acaba sendo altamente ineficaz. Afinal, por que você gostaria de ser como alguém que já existe?

Para competir com os gigantes do seu setor, você não pode “levar um estilingue para uma luta de espadas”. Você precisa saber o que diferencia seus negócios e como comercializá-los para clientes insatisfeitos com seus concorrentes.

gigantes do mercado

Por isso, crie algo novo! Pense em uma dificuldade que ainda não foi resolvida e traga a solução para seus clientes. Quando estudamos negócios e ideias de marketing, vemos que cada vez menos as empresas estão focadas em produtos e cada vez mais em resolução de problemas. As pessoas não compram um celular; elas adquirem a infinidade de serviços e facilidades que um smartphone proporciona.

É igualmente importante olhar além do próprio setor e identificar tendências crescentes e mudanças de atitudes e/ou comportamentos em todo mundo. Em alguns anos, por exemplo, pode ser que aparelhos celulares nem existam mais e outra tecnologia já tenha sido inventada.

Mantenha uma cultura colaborativa

Muitas pessoas pensam nas pequenas startups como desorganizadas. Essa fama se deve à imagem que vemos em filmes e séries, de jovens em repúblicas, desenvolvendo programas e softwares em meio a partidas de videogame e pilhas de caixas de pizza. Sabemos que a realidade não é bem assim. O que é verdade é que essas empresas costumam surgir a partir de um ambiente colaborativo e manter essa cultura traz inúmeros benefícios.

Isso porque uma equipe integrada, que se apoia constantemente, tem mais chances de trazer novas ideias. Já que a palavra de ordem é inovação, isso é essencial. Além disso, os profissionais se sentem mais à vontade para dar sugestões. E mesmo que elas não sejam aplicáveis, podem ser lapidadas e transformadas em algo realmente incrível. O team work rende muito mais frutos do que o trabalho solitário e as startups dominam isso muito bem.

Leia também em nosso blog:
Afinal, o que é coworking?
Por que devo contratar um escritório compartilhado?
O que você deve saber sobre as demandas do jovens no mercado de trabalho
Por que criar o storytelling da marca é essencial

Conheça seus clientes e suas dores

Grandes corporações geralmente atendem milhares ou milhões de clientes todos os anos. De certa maneira isso também pode expor uma fraqueza competitiva. Afinal, seu serviço ou produto acaba se tornando homogêneo. Frequentemente, eles não conseguem se adaptar às novas tendências demográficas e necessidades individuais.

Essa homogenização, por sua vez, é uma grande oportunidade para as startups. O caminho para o sucesso é falar com o maior número possível de clientes, apresentando soluções em potencial, coletando feedback e repetindo o processo do produto até que ele esteja certo.

Ouça seu cliente, entenda sua dor e procure resolvê-la. Dessa forma, você poderá realizar atendimentos cada vez mais personalizados e, assim, se diferenciar dos gigantes do mercado.

Conclusão: é possível vencer os gigantes do mercado

Como em qualquer negócio, no mundo das startups é necessário inovar. Para competir de igual para igual com as gigantes do mercado é necessário ter um diferencial e trazer novas perspectivas. Para isso, é essencial viver a inovação no seu dia a dia.

Então, que tal começar experimentando uma nova forma de trabalho? Clicando aqui você garante um teste grátis em qualquer coworking da rede BeerOrCoffee — são mais de 900 opções em todo Brasil.

gigantes do mercado

Mariana Mendes é jornalista do BeerOrCoffee e apaixonada por escrever sobre marketing e futuro do trabalho.

Facebook Comments
Davi x Golias: como as startups podem enfrentar gigantes do mercado?

Escritórios no Centro de Curitiba: garanta a melhor escolha para o seu negócio

Davi x Golias: como as startups podem enfrentar gigantes do mercado?

Escritório na Asa Sul em Brasília: encontre o melhor para sua empresa

Newer post