Por que as empresas têm investido em coworkings?

A otimização de espaços tornou-se uma tarefa essencial para a diminuição de custos e o aumento da competitividade diante do mercado atual.

Inúmeras empresas têm apostado na reestruturação do que antes eram conhecidos como ambientes corporativos, buscando derrubar barreiras e paradigmas. Com isso, os projetos empresariais conquistam maior inovação, contam com as trocas de experiências e criatividade. E é nesse sentido que os espaços estão se moldando em volta de um coworking.

Neste texto, vamos destacar por que as empresas têm investido nos escritórios compartilhados. Antes, porém, vamos destacar o que é coworking. Se você quer desenvolver seu negócio ou carreira, acompanhe o texto abaixo!

O que é coworking

Coworking é, basicamente, um ambiente desenvolvido para profissionais e empresas, como uma possível extensão do escritório ou como o ambiente de trabalho oficial. Também é um espaço disponível para pessoas que atuam como freelancers.

Além disso, os espaços flexíveis são ideais para aqueles que têm a intenção de trabalhar, desenvolver interações e dividir experiências, criando oportunidades de negócios, possibilitando um crescimento mais rápido e mais colaborativo.

coworking

Particularidades de um coworking

O coworking é um espaço em que empresas, empreendedores e investidores vivenciam uma nova forma de trabalho, com mais mobilidade, liberdade e menos custos.

Esses ambientes são pensados como um local de trabalho para as mais diversas empresas e profissionais, gerando grandes oportunidades de interação e negócios. Desse modo, pode-se encontrar profissionais de setores diferentes — de funcionários de uma empresa de projetos elétricos a profissionais autônomos de fotografia.

É importante dizer que os espaços de coworking contêm toda a estrutura de um escritório tradicional. Afinal de contas, sua estrutura contempla uma série de itens básicos e complementares. Abaixo, destacamos algumas das principais particularidades desses ambientes:

Como o coworking funciona na prática

Seja um profissional independente, uma pequena, média ou grande empresa, o coworking vai muito além de um espaço de trabalho. Afinal, são tantas possibilidade que podemos entender os escritórios compartilhados como um movimento que molda o futuro do trabalho.

Quando uma pessoa ou empresa migra para um coworking, pode optar por planos de acordo com a sua necessidades — eles podem variar por ano, mês, semanas ou até mesmo horas.

Com isso, um profissional que atua criando projeto elétrico residencial completo, por exemplo, pode escolher o plano de pagamento que melhor cabe no seu bolso ou que atenda o tempo de um determinado projeto.

Ou seja, isso quer dizer que esses espaços podem ser escolhidos de acordo com as necessidades e as demandas das pessoas e das empresas que desejam vivenciar uma nova forma de trabalho.

coworking

As vantagens de um espaço coworking

Os espaços de coworking não estariam se consolidando no mercado se eles não oferecessem uma série de vantagens para as empresas e profissionais que estão nesses ambientes. Não por acaso, encontramos diversos benefícios, como os listados logo abaixo.

1. Custos menores em relação a um escritório tradicional

Para empreendedores que estão começando um negócio, uma das maiores preocupações é saber aplicar os recursos disponíveis da melhor forma possível. Por isso, muitas empresas têm optado em trabalhar dentro de um espaço compartilhado, onde não há custos fixos como luz, telefone, água, impostos, limpeza, entre outros — e essa é uma ótima forma de economizar.

Uma exemplo de vantagem em optar por um ambiente de coworkings é o seguinte: uma empresa de jardinagem, que presta serviços para inúmeros lugares diferentes e conta com serviço de contratação online. A maioria dos funcionários trabalha fora do escritório. A empresa, que passa a procurar maneiras de minimizar os seus gastos com escritório, pode realizar as atividades administrativas em um espaço de coworking.

2. Networking com empresas e profissionais diversos

Um dos fatores que mais chamam a atenção das pessoas para os espaços de coworking é a grande oportunidade de networking. Isso porque, dentro desses locais, uma pessoa pode dividir espaço com uma série de outros profissionais, de áreas como TI, direito, publicidade, marketing e muito mais.

Essa diversidade de pessoas e empresas possibilita uma maior troca de conhecimento e de ideais, permitindo possíveis parcerias e ajuda entre os envolvidos. Se, por exemplo, um designer autônomo está trabalhando em um escritório compartilhado, ele pode estabelecer uma parceria para desenvolver umdeck flutuante para determinada empresa de decoração.

3. Mais foco e, consequentemente, produtividade

Existe um grande número de pessoas que não conseguem trabalhar em casa pelo simples fato de existirem muitas distrações. E a falta de concentração pode diminuir a produtividade dos profissionais.

Nesse sentido, o espaço de coworking é capaz de disciplinar as pessoas que trabalham por conta própria e/ou remotamente e que precisam de um ambiente que permita que mantenham o foco e conquistem mais produtividade nas suas tarefas do dia a dia.

Isso ocorre pois há outras pessoas acompanhando o seu ritmo de trabalho e a estrutura de escritório proporcionada pelos coworkings facilita que o profissional assimile, inconscientemente, que está em um ambiente de trabalho.

4. Ambiente que atende os mais diversos clientes, entre empresas e profissionais

Os espaços de coworking contam com as mais diversas particularidades para todos os gostos, bolsos e tamanhos. Por exemplo, se a pessoa busca por uma sala privativa ou sala de reunião, é muito simples de achar.

Todos os espaços contam com ambientes para pessoas que buscam um ambiente mais informal e compartilhado. Ou então quem quer mais foco, privacidade e silêncio também encontra com muita facilidade. Ou seja, sempre haverá um espaço adequado para cada pessoa.

Além disso, os espaços de coworking podem oferecer estilizações próprias, tornando o ambiente de trabalho mais descontraído e criativo, variando de acordo com a necessidade de cada profissional e empresa.

Assim, um designer de interiores, por exemplo, pode optar em trabalhar no desenvolvimento de um projeto de uma persiana de vidro para varanda dentro de um espaço mais moderno e que possa inspirá-lo.

5. Criatividade potencializada

coworking

Dentro de um espaço de coworking há muitas pessoas criativas. Assim, é possível inspirar-se e ver quais as técnicas que deram certo, o que deu errado e quais foram os aprendizados durante as atividades.

Com essas trocas de conhecimento e de experiências há grandes chances de uma pessoa que está começando receber dicas importantes para o futuro do seu negócio. Dessa forma, pode aperfeiçoar o seu projeto em andamento e até mesmo receber ou dar auxílio de crescimento.

Estar em um espaço onde há várias pessoas com formas diferentes de ver o mundo é algo extremamente vantajoso para processos criativos. Contar com visões diferentes pode ser uma grande vantagem para o trabalho.

Além disso, é um benefício relevante para profissionais autônomos que trabalham com projetos artísticos, como um designer ao projetar uma cadeira de massagem elétrica.

No decorrer deste texto, destacamos que o coworking apresenta boas razões para as empresas continuarem investindo nesse ambiente. Independentemente do tipo de trabalho desempenhado pelas pessoas, elas podem encontrar o ambiente mais confortável de acordo com as suas necessidades e gostos. Você concorda? Conte para a gente nos comentários.


Esse texto foi desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Facebook Comments
Por que as empresas têm investido em coworkings?

O que as empresas podem aprender com a história do escritório?

Por que as empresas têm investido em coworkings?

Por que os espaços de coworking ajudam na ascensão da Gig Economy

Newer post