Escritório convencional X Coworking: qual deles vale mais a pena?

No dia a dia de uma empresa, independentemente do seu tamanho, tudo precisa ser definido com muito cuidado. A escolha do local do trabalho, por exemplo, é um momento essencial, pois uma decisão inadequada pode trazer muitas dores de cabeça, não é mesmo?

Com o trabalho remoto se tornando algo cada vez mais popular, as organizações estão abraçando a possibilidade de flexibilizar a entrega das atividades por parte dos funcionários. Assim, os coworkings aparecem como uma ótima oportunidade de espaços para desenvolver negócios.

Mas uma questão que todo empreendedor se faz é: em relação aos escritórios convencionais, os espaços de coworking valem a pena? Pensando em responder a essa pergunta, que criamos a calculadora de escritório do BeerOrCoffee.

Por meio da novidade, você pode comparar os custos dos escritórios convencionais em relação aos coworkings.

Neste texto, mostramos como a calculadora pode facilitar as decisões a favor da sua empresa. Confira!

A calculadora de escritório do BeerOrCoffee

A calculadora de escritório do BeerOrCoffee é uma maneira rápida, fácil e prática de comparar um escritório convencional com as nossas soluções em coworking. Na versão atual, você consegue mapear os custos dos espaços nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Ao substituir o escritório convencional por uma solução em coworking, você economiza recursos, aumenta a produtividade operacional e traz qualidade de vida para seus colaboradores. Seja um escritório privativo ou compartilhado, sua empresa terá tudo que precisa.

Para chegar nos resultados de comparar ambientes tradicionais e coworkings, nossa calculadora leva em consideração questões como:

  • Aluguel;
  • Condominio;
  • IPTU;
  • Energia Elétrica;
  • Internet/telefonia;
  • Secretaria, benefícios e encargos;
  • Mobília (mesa, cadeira e outros);
  • Adequação do imóvel;
  • Climatização e instalação;
  • Objetos de decoração;
  • Limpeza e Manutenção.

Ainda que não fique satisfeito com os resultados, podemos incluir os seus próprios custos e chegar na sua economia real, ou seja, realizamos um orçamento personalizado. Para isso, basta entrar em contato conosco que iremos te enviar o orçamento com a comparação dos custos do seu escritório atual. 

Diferenças na teoria

Na teoria, para a comparação entre escritórios tradicionais e coworkings fazer sentido, ela deve estabelecer as duas opções em um mesmo padrão de qualidade, com móveis, localização e outras especificidades compatíveis em relação ao valor. Em seguida, vamos utilizar 3 pontos-base.

1. Tempo de locação

Uma das grande diferenças começa no tempo de locação. Nos ambientes tradicionais, os contratos costumam ser longos, alguns com períodos de 3 anos, por exemplo. Nos coworkings, por outro lado, é possível fechar contratos de curto prazo, que podem de 1 ou 3 meses a 1 ano.

Caso você tenha estabilidade no negócio, um contrato no longo prazo pode ser uma ótima escolha. No entanto, se precisa flexibilidade, um escritório compartilhado pode ser o melhor para você. Além da flexibilidade no contrato, você pode aumentar os espaços conforme a sua necessidade.

2. Infraestrutura e mobiliário

Caso escolha um escritório convencional, provavelmente deverá comprar mesas e cadeira. Na verdade, esse é o primeiro passo para sua empresa começar a desenvolver suas atividades. Afinal, você ainda precisará de impressoras, utensílios, eletrodomésticos e itens para a sala de estar.

Um escritório de espaço compartilhado, por outro lado, já oferece uma experiência de trabalho absolutamente completa, sem gerar nenhum tipo de preocupação. Como o ambiente já está totalmente pronto, os funcionários podem chegar, se acomodar e começar a trabalhar.

3. Serviços gerais

Questões como instalar o telefone, a internet e lidar com as instabilidades do wi-fi podem trazer diversas dores de cabeça para quem está investindo em um escritório tradicional. Isso sem falar nas contas de água, luz, IPTU, entre tantos outros encargos, não é mesmo?

Além desses custos, será essencial se preocupar com a manutenção contínua de todas as particularidades de um escritório convencional. Isso, geralmente, não tem como prever.

Quando falamos dos coworkings, a estrutura já está toda pronta e os funcionários não precisam se preocupar com essas questões. Em um único boleto, você arca com todas as despesas e se livra de diversos detalhes que podem trazer muias dores de cabeça.

Para entender essas diferenças de forma ainda melhor, confira o vídeo:

Diferenças na prática

Nada melhor do que falar o valor que você economiza, não é mesmo? Na imagem abaixo, você tem uma estimativa dos gastos em um escritório convencional e em um espaço de coworking. Veja só!

O que isso significa? Significa, na prática, que em um ano você pode economizar entre R$ 116.000,00 e R$ 127.000,00, ou seja, é um valor extremamente considerável para quem tem seu negócio. Em um cenário como no Brasil, onde empreender é muito difícil, os coworkings caem como uma luta.

Orçamento personalizado

Quer ter seu próprio orçamento para conferir se realmente vale a pena migrar do escritório tradicional? Se sim, é muito simples: acesse a nossa calculadora do BeerOrCoffee e entenda o que você perde ou ganha ao optar por um escritório tradicional ou um espaço de coworking. Basta clicar aqui ou na imagem abaixo e fazer a sua simulação.

Facebook Comments
Escritório convencional X Coworking: qual deles vale mais a pena?

Lista de coworkings: opções incríveis nas principais capitais brasileiras

Escritório convencional X Coworking: qual deles vale mais a pena?

Trabalho remoto: 8 dicas essenciais para quem quer ter sucesso na carreira

Newer post