Entenda as principais diferenças entre coworkings e escritórios tradicionais

coworkings e escritórios tradicionaisNo dia a dia de uma empresa, toda decisão precisa ser tomada com cuidado. A escolha do local do trabalho, por exemplo, é um momento crucial, pois uma decisão inadequada pode trazer muitas dores de cabeça, não é verdade? E você sabe as diferenças entre coworkings e escritórios tradicionais?

Com a popularização do trabalho remoto, cada vez mais organizações estão abraçando a possibilidade de flexibilizar a entrega das atividades por parte dos funcionários. Nesse cenário, os coworkings surgem como uma ótima oportunidade de espaços para desenvolver negócios e pessoas.

Mas será que, em relação aos escritórios convencionais, eles valem a pena? Neste texto, vou apresentar alguns comparativos dos coworkings em relação aos escritórios tradicionais. Confira!

Coworking x escritórios tradicionais

O coworking é um espaço de trabalho compartilhado em que profissionais de diversas áreas atuam, a fim de desenvolver pessoas e negócios.

Bastante populares entre autônomos e freelancers, também estão caindo no gosto dos setores tradicionais, incluindo as empresas de grande porte.

Geralmente, os coworkings contam com ambientes como mesas de trabalho, salas de reuniões, salas privativas e espaços de eventos. Mais do que um lugar para desenvolver a carreira, têm um forte senso de comunidade.

De maneira geral, os preços são mais em conta do que as salas comerciais próprias. E, apesar de custarem mais do que o home office, o valor costuma ser visto pelas marcas como investimento.

O escritório tradicional, por sua vez, está se reinventando nos últimos anos, principalmente por conta do avanço da internet e da tecnologia.

Afinal de contas, grande parte das pessoas estão indo atrás de locais de trabalho modernos.

Não por acaso, marcas gigantes como Google, LinkedIn, Apple e Amazon, por exemplo, contam com ambientes descolados, como mostra uma matéria da Revista Época Negócios.

A mesma edição da publicação também traz o pode dos novos escritórios. De acordo com o texto, a forma como uma marca organiza seu espaço pode determinar o sucesso (ou o fracasso) dos negócios.

No entanto, nem todas as marcas têm os recursos de um Google da vida para se modernizar e, assim, escolhem os espaços convencionais. Embora não possam ter uma estrutura digna de uma gigante da tecnologia, as organizações de todos os portes têm a opção de ir para um coworking.

Mas será qual dos dois vale mais a pena: coworkings ou escritórios tradicionais? É isso que a gente vê no tópico a seguir!

Custos de Coworkings x Escritórios Tradicionais

Em primeiro lugar, para a comparação fazer sentido, ela deve estabelecer as duas opções de espaços (coworkings e escritórios tradicionais), em um mesmo padrão de qualidade, com móveis, localização e outras particularidades compatíveis no que diz respeito a valor. Para isso, vamos realizar essas comparações com base em alguns pontos-chave. Acompanhe!

Tempo de locação

Uma das maiores diferenças começa no tempo de locação. Nos escritórios tradicionais, os contratos são mais longos (é comum contar com períodos de 3 anos). Já nos coworkings é possível fechar contratos de curto prazo, de 3 meses a 1 ano.

Caso você tenha uma relativa estabilidade no negócio, então um contrato no longo prazo pode ser uma ótima escolha.

No entanto, caso precise de mais flexibilidade, um escritório compartilhado pode ser a sua melhor escolha.

Além dos contratos de curto prazo, é possível aumentar os espaços de acordo com a necessidade da empresa.

Assim, se quiser integrar 5 funcionários sua equipe, você só paga quando realmente precisar do espaço. Porém, caso esteja em um local tradicional, você pagará pelo custo de novos membros antes que eles sejam contratados.

Infraestrutura e mobiliário

Caso você mude para um escritório tradicional, a menos que conte com mesas e cadeiras, deverá comprar esses móveis. Na verdade, esse é só um primeiro passo para você começar a operar de forma eficaz.

Depois das mesas e cadeiras, você também precisará de impressoras, utensílios e eletrodomésticos para a cozinha, além dos itens para sala de estar.

Um escritório de espaço compartilhado já oferece uma experiência de trabalho completa. Como o ambiente já está totalmente pronto, os funcionários podem chegar, se acomodar e começar a trabalhar.

Conteúdo relacionado: conheça tudo sobre a história dos coworkings

Serviços gerais

Questões como instalar telefone, internet e lidar com as instabilidades do wi-fi podem trazer diversas dores de cabeça para quem está investindo em um escritório tradicional.

Além dos custos, será essencial se preocupar com a manutenção contínua, que geralmente não tem como prever.

Em relação aos coworkings, a estrutura já está toda pronta e os funcionários não precisam se preocupar com isso.

coworkings e escritórios tradicionais

Cultura e comunidade

Uma das coisas mais importantes para uma empresa é a sua cultura. Afinal de contas, quando uma marca tem uma cultura forte, a equipe é mais produtiva e eficiente, mas isso exige tempo e dinheiro.

Planejar eventos e tirar um tempo para os funcionários se conhecerem melhor pode ser difícil que aconteça em um escritório tradicional.

Já os coworkings, geralmente, contam com os mais diversos eventos, como palestras, workshops e happy hours.

Além disso, quando você trabalha em um espaço compartilhado, você pode conhecer novos usuários com uma mentalidade parecida e os mesmos desafios para serem alcançados.

Economia

Fatores como cultura, serviços, comunidade e contratos facilitam o funcionamento diário do negócio, mas são as potenciais vantagens econômicas que realmente fazem um coworking se destacar.

Além disso, quando comparamos os custos, no caso do escritório tradicional não inclui os gastos com mobílias serviços e manutenção e isso dá ainda mais vantagens para os coworkings.

Conclusão

Como pudemos perceber ao longo do texto, os coworkings são a opção menos estressante e mais econômica para as empresas. É claro, porém, que cada caso é particular e é preciso que você escolha a melhor opção para o seu negócio.

O mais importante de tudo é que o escritório ajude você e seu time a conquistar os resultados esperados e bater as metas estabelecidas, tudo isso de acordo com a sua missão, visão e valores.

Para você ter certeza de que o coworking é a melhor opção, já pensou em calcular o valor do escritório convencional com o escritório compartilhado? Para isso, acesse a nossa calculadora do BeerOrCoffee agora mesmo e entenda como seu negócio pode ser beneficiado.

 

Facebook Comments
Entenda as principais diferenças entre coworkings e escritórios tradicionais

Storytelling: aprenda a contar boas histórias para conquistar seu leitor

Entenda as principais diferenças entre coworkings e escritórios tradicionais

Sistema de reembolso: por que a sua startup deve contar com um

Newer post

Post a comment